domingo, 31 de julho de 2011

Jenson Button vence o GP da Hungria...

Na corrida em que comemorou 200 GPs disputados, o inglês Jenson Button, da (McLaren), saiu com a vitória, seu segundo triunfo na temporada e a 2ª consecutiva da equipe, o Grande Prêmio da Hungria, disputado no circuito de Hugaroring em Budapeste foi uma prova bastante movimentada, a "chuva" que caiu antes da corrida deixou a pista molhada forçando as equipes a largarem com pneus intermediários.


Button que se dá muito bem com condições de pista adversas, soube aproveitar o bom equilíbrio do carro e com três paradas venceu uma corrida emocionante, o líder do campeonato Sebastian Vettel, da (RBR), fez uma corrida estrategicamente correta e chegou na 2ª posição, Fernando Alonso, da (Ferrari), apesar de ter rodado e perder posições durante a prova mostrou porque é considerado o "melhor" piloto do grid, o espanhol fez uma corrida de recuperação e chegou em terceiro lugar.

Lewis Hamilton, foi mais uma vez um dos destaques da prova, o inglês fez de tudo, chegou a liderar a prova com folgas, mas cometeu um erro ao passar sobre uma zebra molhada e ficar com o carro atravessado na pista, após fazer uma manobra arriscada para voltar à pista, o piloto da McLaren foi punido com um drive through, a equipe ainda cometeu um erro ao colocar pneus intermediários no final da prova, a pista não estava molhada o suficiente e Hamilton novamente teve que fazer uma parada extra, completando a prova na 4ª posição.


O brasileiro Felipe Massa foi aquele piloto de sempre, ultrapassa, escapa da pista, bate no muro, é ultrapassado, reclama de tudo e de todos, no final completou a prova na sexta posição, pouco para um piloto da Ferrari mas é o máximo que ele tem conseguido, para não falar que eu "pego no pé", Massa fez a melhor volta da corrida marcando 1:23s415. Já Rubens Barrichello, da (Williams), que anda muito bem com pista molhada enfrentou os problemas de um carro limitado e chegou na 13ª posição.


Kamui Kobayashi, chegou a ficar na zona de pontuação mas com pneus desgastados perdeu posições no final da corrida e não marcou pontos, completando o GP da Hungria na 11ª posição uma volta atrás do líder Button. O GP da Hungria ainda protagonizou momentos assustadores, o carro do alemão Nick Heidfeld, da (Renault) pegou fogo na saída dos boxes e o belga Jérôme d'Ambrosio fez uma barbeiragem ao rodar dentro dos boxes da Marussia Virgin.


A Fórmula 1 segue agora para as férias de verão, corrida apenas no final do mês de Agosto, a próxima etapa o GP da Bélgica será no dia (28) no circuito de Spa-Francorchamps. Apesar da vitória de Button, o alemão Sebastian Vettel mantém a liderança isolada da competição com 85 pontos de vantagem para o vice-líder Mark Webber
 

Confira o resultado final do GP da Hungria :

1 - Jenson Button (McLaren) 70 voltas
2 - Sebastian Vettel (RBR) a 3s588
3 - Fernando Alonso (Ferrari) a 19s819
4 - Lewis Hamilton (McLaren) a 48s338
5 - Mark Webber (RBR) a 49s742
6 - Felipe Massa (Ferrari) a 1:17s176
7 - Paul di Resta (Force Índia) a 1 volta
8 - Sébastien Buemi (Toro Rosso)  a 1 volta
9 - Nico Rosberg (Mercedes)  a 1 volta
10 Jaime Alguersuari (Toro Rosso)  a 1 volta
11 Kamui Kobayashi (Sauber)  a 1 volta
12 Vitaly Petrov (Renault)  a 1 volta
13 Rubens Barrichello (Williams) a 2 voltas
14 Adrian Sutil (Force Índia) a 2 voltas
15 Sergio Perez (Sauber) a 2 voltas
16 Pastor Maldonado (Williams) a 2 voltas
17 Timo Glock (Marussia Virgin) a 4 voltas
18 Daniel Ricciardo (Hispania) a 4 voltas
19 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) a 5 voltas
20 Vitantonio Liuzzi (Hispania) a 5 voltas

Fotos Getty e Sutton

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Hamilton é o mais rápido no 2º treino livre na Hungria...

O dia era mesmo do inglês Lewis Hamilton, que animado pela vitória na última etapa disputada na Alemanha veio com tudo pra cima de seus adversários e dominou também a segunda sessão de treinos livres para o Grande Prêmio da Hungria.

Nesta sexta-feira Hamilton, da (McLaren) foi perfeito com os compostos de pneu super-macio e macios e termina o dia com o melhor tempo marcando 1:21:018, logo atrás veio Fernando Alonso, da (Ferrari) e Jenson Button, com a outra McLaren.

A dupla da RBR, Mark Webber e Sebastian Vettel, foram apenas o quarto e quinto respectivamente, todas as cinco primeiras posições os tempos ficaram na casa de 1:21, com diferença de décimos de segundo entre eles.

Felipe Massa, foi o melhor brasileiro da sessão marcando o sexto tempo e Rubens Barrichello, da (Williams) o décimo terceiro. Entre as equipes médias Force Índia e Sauber estiveram bem próximas. O último treino livre para o GP da Hungria será realizado neste sábado às 18:00 horas horário do Japão.

Confira os melhores tempos da  2ª sessão na Hungria :

1 - Lewis Hamilton (McLaren) 1:21s018
2 - Fernando Alonso (Ferrari) 1:21s259
3 - Jenson Button (McLaren) 1:21s322
4 - Mark Webber (RBR) 1:21s508
5 - Sebastian Vettel (RBR) 1:21s549
6 - Felipe Massa (Ferrari) 1:22s099
7 - Nico Rosberg (Mercedes) 1:22s121
8 - Michael Schumacher (Mercedes) 1:22s440
9 - Paul di Resta (Force Índia) 1:22s835
10 Adrian Sutil (Force Índia) 1:22s981
11 Kamui Kobayashi (Sauber) 1:23s030
12 Sergio Perez (Sauber) 1:23s399
13 Rubens Barrichello (Williams) 1:23s679
14 Nick Heidfeld (Renault) 1:23s861
15 Pastor Maldonado (Williams) 1:24s181
16 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) 1:24s182
17 Vitaly Petrov (Renault) 1:24s546
18 Sébastien Buemi (Toro Rosso) 1:24s878
19 Jarno Trulli (Team Lotus) 1:24s994
20 Hekki Kovalainen (Team Lotus) 1:25s447
21 Timo Glock (Marussia Virgin) 1:26s823
22 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) 1:27s261
23 Daniel Ricciardo (Hispania) 1:27s730
24 Vitantonio Liuzzi (Hispania) 1:28s255

Hamilton lidera o 1º treino livre na Hungria...

Lewis Hamilton começou o final de semana do GP da Hungria na frente, o inglês foi o mais rápido na primeira sessão marcando o tempo em 1:23s350, o alemão Sebastian Vettel, da (RBR), foi o segundo e o aniversariante do dia Fernando Alonso, colocou a Ferrari em terceiro.

McLaren,RBR e Ferrari dividem as seis primeiras posições na tabela dos tempos, promessa de prova bem equilibrada na Hungria. Mark Webber, conseguiu o quarto tempo,  mas durante a primeira sessão o piloto da RBR perdeu o controle do carro e acabou batendo forte abandonando a sessão.

Os brasileiros na Hungria : Felipe Massa, da (Ferrari), foi o sexto, Rubens Barrichello, da (Williams), ficou com o 14º tempo e Bruno Senna, da (Renault-Lotus), estreando em treinos livres foi o 15º, apenas 0,743 atrás do tempo de Vitaly Petrov seu companheiro de equipe. Na segunda sessão Bruno Senna, devolve o carro ao piloto titular Nick Heidfeld

Confira os melhores tempos da  1ª sessão na Hungria :

1 - Lewis Hamilton (McLaren) 1:23s350
2 - Sebastian Vettel (RBR) 1:23s564
3 - Fernando Alonso (Ferrari) 1:23s642
4 - Mark Webber (RBR) 1:23s666
5 - Jenson Button (McLaren) 1:23s772
6 - Felipe Massa (Ferrari) 1:24s115
7 - Nico Rosberg (Mercedes) 1:24s250
8 - Michael Schumacher (Mercedes) 1:24s369
9 - Sergio Perez (Sauber) 1:24s620
10 Vitaly Petrov (Renault) 1:25s093
11 Kamui Kobayashi (Sauber) 1:25s113
12 Paul di Resta (Force Índia) 1:25s336
13 Nico Hulkenberg (Force Índia) 1:25s357
14 Rubens Barrichello (Williams) 1:25s836
15 Bruno Senna (Renault) 1:25s855
16 Sébastien Buemi (Toro Rosso) 1:25s890
17 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) 1:26s099
18 Pastor Maldonado (Williams) 1:26s124
19 Heikki Kovalainen (Team Lotus) 1:26s878
20 Jarno Trulli (Team Lotus) 1:27s352
21 Timo Glock (Marussia Virgin) 1:28s533
22 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) 1:28s903
23 Vitantonio Liuzzi (Hispania) 1:29s059
24 Daniel Ricciardo (Hispania) 1:29s904

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Sauber renovou com Perez e Kobayashi...

A Sauber anunciou oficialmente a renovação dos contratos de seus pilotos para a temporada 2012, já havia falado aqui no blog que o japonês Kamui Kobayashi continuaria por pelo menos mais um ano na equipe suíça, seria uma grande surpresa notícias contrarias a essa. Com uma dupla de jovens pilotos a Sauber tem colhido bons frutos em 2011 e espera continuar conseguindo pontos no mundial de construtores.

O mexicano Sergio Perez, fez sua estreia na F1 com ajuda de patrocinadores de seu país e mostrou que de fato foi uma boa opção para a equipe, já o japonês Kamui Kobayashi vem fazendo sua melhor temporada na categoria, chegando a pontuar em quase todas as etapas. Kobayashi, uma das promessas do automobilismo japonês merece uma oportunidade em uma equipe grande mas a falta de "vagas" deixa o talentoso piloto sem opção.

Peter Sauber, acertou em manter a dupla de pilotos que com certeza terá mais experiência no próximo ano, Perez já é cotado para assumir uma lugar na Ferrari em 2013, será ? Kobayashi, poderia em 2013 pilotar pela Renault ou Mercedes, mas sem uma ajuda de patrocinadores japoneses sua caminhada será mais difícil e por aqui as montadoras não tem a curto prazo a intenção de investir na categoria.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Bruno Senna vai substituir Heidfeld no 1º treino livre de sexta-feira na Hungria...

Após o GP da Alemanha, a equipe Renault anunciou que o piloto reserva Bruno Senna irá participar do 1º treino livre para o GP da Hungria, a sessão que será realizada nesta sexta-feira é a primeira oportunidade para o brasileiro mostrar serviço na pista. Há "rumores" de que Bruno poderia substituir o alemão Nick Heidfeld, na equipe no posto de titular.

Na segunda sessão Heidfeld volta ao seu posto, a equipe resolveu dar essa chance ao jovem piloto brasileiro que já fez testes na pré-temporada, mas participar de um final de semana de corrida é a primeira vez no ano. O ex-piloto da equipe Hispania, está ansioso para trabalhar com a equipe e deixar o carro com um bom acerto para Heidfeld.

O chefão da equipe, Eric Boulier disse após o GP da Alemanha, que é o momento certo para Bruno Senna receber essa oportunidade, "embora ele já tenha alguma milhagem com nossos R29 e R31 neste ano, pilotar em uma sessão de sexta-feira vai dar a ele uma experiência enorme. E também vai nos dar a chance de ver como Bruno se adapta durante um treino competitivo", concluiu o dirigente.

Nick Heildfeld, que foi escolhido pela Renault para substituir o polonês Robert Kubica, não vem apresentando bons resultados e tem sua "vaga" ameaçada na equipe, outro piloto que poderia ganhar seu lugar, seria o francês Romain Grosjean, ex-piloto da equipe em 2009, que é hoje o atual líder do campeonato da GP2 e está no aguardo ansioso pela 2ª chance.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Itaipava GT Brasil 5ª Etapa em Curitiba prova de domingo...

A segunda corrida da 5ª Etapa da Itaipava GT Brasil foi uma prova emocionante e, a chegada na categoria GT3 foi com uma diferença de apenas 0s151, o piloto Wagner Ebrahim que corre sozinho com seu Dodge Viper conseguiu superar a pressão de Valdeno Brito que faz dupla com Matheus Stumpf, com o Ford GT e vencer sua primeira corrida na temporada.

As últimas voltas foram de tirar o fôlego e os três primeiros colocados estavam muito próximos, na última curva Valdeno Brito chegou a colocar o carro um pouco à frente mas Ebrahim estava do lado mais limpo da pista e protagonizou uma chegada histórica. A dupla Xandy Negrão e Xandinho Negrão chegaram em terceiro, Juliano Moro e Paulo Bonifácio chegaram em quarto e Vanue Faria e Renan Guerra subiram ao pódio em quinto lugar.

Pela GT4, final de semana perfeito para a dupla Caio Lara e Cristiano Federico, que saiu do circuito de Pinhais em Curitiba-PR, com duas vitórias e 24 pontos de vantagem no campeonato, o modelo Ferrari Challenge não era o favorito as vitórias em Curitiba, mas com os problemas enfrentados pelas Ginettas G50, ficou mais "fácil". Em segundo lugar chegaram a dupla  Marcelo Sant'Anna e Cristiano De Rey, Sérgio Laganá e Alan Hellmeister chegaram em terceiro colocando nas três primeiras colocações carros com modelos Ferrari Challenge.

O campeonato chega a sua metade e ainda serão disputadas mais 10 provas em 5 etapas duplas até o final do ano, quem será o campeão na GT3 e GT4 ? A categoria dos carros dos sonhos tem conquistado fãs por todo Brasil.

Segue o Resultado Final da GT3 etapa de domingo :

1 - Wagner Ebrahim (Viper)
2 - Valdeno Brito/Matheus Stumpf (Ford GT)
3 - Xandy Negrão/Xandinho Negrão (Lamborghini LP600)
4 - Juliano Moro e Paulo Bonifácio (Ford GT)
5 - Vanue Faria/Renan Guerra (Lamborghini Gallardo LP560)
6 - Cleber Faria (Lamborghini Gallardo LP560)
7 - Rafael Derani/Claudio Ricci (Ferrari F458)
8 - Marcelo Hahn/Allam Khodair (Lamborghini Gallardo LP600)
9 - Pedro Queirolo (Corvete)
10 Bruno Garfinkel/R.Maurício (Lamborghini Gallardo LP560)
11 Sergio Jimenez/João Adibe (Ford GT)
12 Fernando Poeta/C.Steyer (Lamborghini Gallardo)

Segue o Resultado Final da GT4 etapa de domingo :

1 - Cristiano Federico/Caio Lara (Ferrari Challenge)
2 - Marcelo Sant'Anna/Cristiano De Rey (Ferrari Challenge)
3 - Sérgio Laganá/Alan Hellmeister (Ferrari Challenge)
4 - Valter Rossete/Fábio Greco (Maserati Gran Turismo)
5 - Otávio Mesquita (Ferrari Challenge)
6 - João Marcelo/Leonardo Medrado (Maserati)
7 - Oswaldo Federico/Marcelo Lozasso (Aston Martin)
8 - André Posses (Porsche)
9 - João Gonçalves/Cae Coelho (Ginetta G50)
10 Valter Pinheiro (Ginetta G50)
11 Carlos Burza/Leonardo Burti (Ginetta G50)

Fórmula Indy, Will Power vence em Edmonton - vídeo


segunda-feira, 25 de julho de 2011

Lewis Hamilton vence o GP da Alemanha...

Sabem a diferença entre os grandes pilotos e os médios ? Garra, determinação e espírito de superação, são tantos adjetivos que não da para escrever todos aqui, mas ver o inglês Lewis Hamilton, da (McLaren), lutando volta a volta para vencer o Grande Prêmio da Alemanha é sensacional, mesmo não tendo o "melhor" carro do grid da F1. Uma das melhores provas dos últimos anos foi realizada no domingo (24) Julho, largando na 2ª posição o piloto da McLaren fez por merecer sua segunda vitória na temporada.

Mark Webber, mais uma vez não largou bem, aliás quando foi que o piloto da RBR largou bem ? A cada corrida fico com a opinião que de Webber se tornou um "leão" de treino, quando chega na corrida é aquela mesma história... Já dei meus parabéns para o piloto australiano quando ele conseguiu um grande resultado no GP da China, na ocasião ele largou na 18ª posição e chegou em terceiro. Até ai tudo bem, mas quando ele está na ponta, "pole" do grid, é um piloto médio !

Outro piloto que merece ser lembrado é Fernando Alonso, da (Ferrari), que chegou na 2ª posição, o espanhol consegue tirar tudo do carro, enquanto o brasileiro Felipe Massa vive com atuações entre altos e baixos, parece que Felipe até que tenta, mais não vai, uma "zica" daquelas ronda a cabeça do brasileiro, desta vez só para não contrariar as estáticas de erros em pit-stop, a Ferrari foi lenta na última troca de pneus e prejudicou Massa, que acabou perdendo uma posição para Vettel.


Correndo em casa, Sebastian Vettel, foi o coadjuvante ilustre entre os alemães na prova, o líder do campeonato teve uma atuação discreta, com uma vantagem de 77 pontos no campeonato, Vettel ficou fora do pódio pela primeira vez no ano. Com tanta "gordura" extra de pontos à frente de seus adversários ele pode até ficar de fora de três corridas que ainda mantém a liderança da tabela.

Na 18ª volta, Barrichello, com um vazamento de óleo no motor de sua Williams, precisou abandonar a prova, após ordens da equipe. A prova foi muito disputada deste o início com destaques para todos os pilotos acima mencionadas, sem falar no grande resultado de Kamui Kobayashi, da (Sauber), que chegou em nono.

O japonês fez uma bela largada, ultrapassando nada mais nada menos do que 7 carros em apenas uma volta ! Webber, bem que poderia aprender uma lição com "Kobashow".  A Fórmula 1 segue agora para o GP da Hungria, que será realizado neste final de semana.


Confira o resultado final do GP da Alemanha :

1 - Lewis Hamilton (McLaren) 60 voltas
2 - Fernando Alonso (Ferrari) a 3s980
3 - Mark Webber (RBR) a 9s788
4 - Sebastian Vettel (RBR) a 47s921
5 - Felipe Massa (Ferrari) a 52s252
6 - Adrian Sutil (Force Índia) a 1:26s208
7 - Nico Rosberg (Mercedes) a 1 volta
8 - Michael Schumacher (Mercedes) a 1 volta
9 - Kamui Kobayashi (Sauber) a 1 volta
10 Vitaly Petrov (Renault) a 1 volta
11 Sergio Perez (Sauber) a 1 volta
12 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) a 1 volta
13 Paul di Resta (Force Índia) a 1 volta
14 Pastor Maldonado (Williams) a 1 volta
15 Sébastien Buemi (Toro Rosso) a 1 volta
16 Heikki Kovalainen (Team Lotus) a 2 volta
17 Timo Glock (Marussia Virgin) a 3 voltas
18 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) a 3 voltas
19 Daniel Ricciardo (Hispania) a 3 voltas
20 Karun Chandhok (Team-Lotus) a 4 voltas

Fotos Getty Imagens

domingo, 24 de julho de 2011

Itaipava GT Brasil 5ª Etapa em Curitiba prova de sábado...

A 5ª Etapa da Itaipava GT Brasil foi disputada neste sábado (23) no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais - PR. Na primeira corrida do final de semana pela categoria GT4, a dupla Cristiano Federico e Caio Lara com uma Ferrari Challenge, conquistou a vitória na tumultuada prova, aproveitando do acidente entre a Ferrari de Alan Hellmeister e a Ginetta G50 de Marçal Melo, o incidente encerrou a corrida sob bandeira amarela.

O pole Leonardo Burti parceiro de Carlos Burza com uma Ginetta G50 teve um toque logo na largada e rodou, após uma corrida de recuperação onde ultrapassou vários carros, Burti entregou o carro ao parceiro Burza que terminou a prova na segunda colocação, a dupla que este ano não tinha conseguido bons resultados devido a vários problemas mecânicos, enfim tem um sábado para comemorar.
 
A dupla Valter Rossete e Fábio Greco, com um Maserati Gran Turismo chegaram em terceiro, Rossete atual campeão da GT4 destacou que com a troca do modelo Ferrari pelo Maserati não era esperado um resultado assim tão cedo, a dupla garantiu a vice-liderança da competição.

Pela GT3, uma corrida movimentada e com punições, após todas as paradas obrigatórias a vitória em Curitiba ficou com a dupla Marcelo Hahn e Allam Khodair, pilotando um Lamborghini Gallardo LP600, em segundo lugar chegaram a dupla Rafael Derani e Claudio Ricci, com uma Ferrari F458 e Wagner Ebrahim, com o Viper chegou em terceiro. Pedro Queirolo, com um Corvete largou em 12º e chegou em quarto, conquistando um belo resultado.

Segue o Resultado Final da GT3 etapa de Sábado :

1 - Marcelo Hahn/Allam Khodair (Lamborghini Gallardo LP600)
2 - Rafael Derani/Claudio Ricci (Ferrari F458)
3 - Wagner Ebrahim (Viper)
4 - Pedro Queirolo (Corvete)
5 - Chico Longo/Daniel Serra (Ferrari)
6 - Vanue Faria/Renan Guerra (Lamborghini Gallardo LP560)
7 - Cleber Faria (Lamborghini Gallardo LP560)
8 - Valdeno Brito/Matheus Stumpf (Ford GT)
9 - Sergio Jimenez/João Adibe (Ford GT)
10 Henrique Assunção/Ronaldo Kastropil (Viper)
11 Xandy Negrão/Xandinho Negrão (Lamborghini LP600)

Segue o Resultado Final da GT4 etapa de Sábado :

1 - Cristiano Federico/Caio Lara (Ferrari Challenge)
2 - Carlos Burza/Leonardo Burti (Ginetta G50)
3 - Valter Rossete/Fábio Greco (Maserati Gran Turismo)
4 - Otávio Mesquita (Ferrari Challenge)
5 - Marcelo Sant'Anna/Cristiano De Rey (Ferrari Challenge)
6 - João Gonçalves/Cae Coelho (Ginetta G50)
7 - Valter Pinheiro (Ginetta G50)
8 - Sérgio Laganá/Alan Hellmeister (Ferrari Challenge)
9 - Marçal Melo/William Freire (Ginetta G50)
10  André Posses (Porsche)

sábado, 23 de julho de 2011

Mark Webber é pole para o GP da Alemanha...

E mais uma vez a equipe RBR vai largar na primeira posição, pela 3ª vez na temporada o australiano Mark Webber consegue a pole, a 2ª consecutiva, tirando das mãos do piloto da casa Sebastian Vettel, o domínio da primeira posição de largada. Surpreendendo as previsões, a segunda posição foi conquistada pelo inglês Lewis Hamilton, da (McLaren), que acabou superando Vettel, que vai largar na 3ª posição.

Por causa da baixa temperatura da pista alguns pilotos não conseguiram o aquecimento ideal dos pneus e tiveram dificuldades no treino classificatório, um deles foi o inglês Jenson Button, da (McLaren), que vai largar apenas em sétimo, atrás da Mercedes de Nico Rosberg, o alemão superou mais uma vez o companheiro Michael Schumacher, o maior vencedor do GP da Alemanha do grid, aliás são 4 pilotos alemães entre os dez primeiros.

A Ferrari foi a decepção da sessão de classificação, Fernando Alonso, que liderou o primeiro treino livre na Alemanha e vencedor do GP da Inglaterra, vai largar na 4ª posição e Felipe Massa, sofrendo com a aderência dos pneus Pirelli, ficou cinco décimo atrás de Alonso e vai largar em quinto. 

Já a Williams com vários problemas não conseguiu passar para o (Q3), os dois pilotos foram superados pelas Force Índia, o venezuelano Pastor Maldonado foi o décimo terceiro e o brasileiro Rubens Barrichello, que não utilizou o (KERS), largará na 14ª posição. 

Kamui Kobayashi, da (Sauber), foi eliminado ainda no (Q1), péssimo resultado para o japonês, na corrida de amanhã largando na 18ª posição terá que brigar muito para conseguir chegar na zona de pontuação, pelo menos economizou dois jogos de pneus macios, caso a chuva não venha será uma ótima opção para a prova. 


Para a corrida de amanhã no circuito de Nürburgring, a equipe RBR segue como favorita para mais uma vitória, quem sabe seja a primeira do alemão Sebastian Vettel em casa ! Com a previsão de chuva para o decorrer  da prova, "todos" ganham uma chance a mais, promessa de um final de semana emocionante na F1.

Confira o grid para o GP da Alemanha :

1 - Mark Webber (RBR) 1:30s079
2 - Lewis Hamilton (McLaren) 1:30s134
3 - Sebastian Vettel (RBR) 1:30s216
4 - Fernando Alonso (Ferrari) 1:30s442
5 - Felipe Massa (Ferrari) 1:30s910
6 - Nico Rosberg (Mercedes) 1:31s263
7 - Jenson Button (McLaren) 1:31s288
8 - Adrian Sutil (Force Índia) 1:32s010
9 - Vitaly Petrov (Renault) 1:32s187
10 Michael Schumacher (Mercedes) 1:32s482

Eliminados na segunda parte do treino : (Q2)

11 Nick Heidfeld (Renault) 1:32s215
12 Paul di Resta (Force Índia) 1:32s560
13 Pastor Maldonado (Williams) 1:32s635
14 Rubens Barrichello (Williams) 1:33s043
15 Sergio Perez (Sauber) 1:33s176
16 Sébastien Buemi (Toro Rosso) 1:33s546
17 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) 1:33s698

Eliminados na primeira parte do treino : (Q1)

18 Kamui Kobayashi (Sauber) 1:33s786
19 Heikki Kovalainen (Team-Lotus) 1:35s599
20 Timo Glock (Marussia Virgin) 1:36s400
21 Karun Chandhok (Team-Lotus) 1:36s510
22 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) 1:36s641
23 Daniel Ricciardo (Hispania) 1:37s036
24 Vitantonio Liuzzi (Hispania) 1:37s011 (perdeu 5 posições) 

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Karun Chandhok irá disputar o GP da Alemanha...

O indiano Karun Chandhok, piloto reserva do Team Lotus irá participar do Grande Prêmio da Alemanha que será disputado neste domingo (24) de Julho no circuito de Nurburgring, a equipe resolveu dar uma chance ao piloto para voltar a disputar uma corrida como titular. A notícia pegou muita gente de surpresa, durante a manhã de hoje eu já tinha lido algo a respeito na imprensa internacional.

Mas quando recebi a confirmação por e-mail fiquei curioso para saber os motivos da substituição do veterano Jarno Trulli, que aparentemente não tem nenhum problema de saúde ou de relacionamento com a equipe. Já falei aqui no blog que o piloto italiano não estava satisfeito com os problemas de direção assistida do carro, para solucionar o diretor técnico Mike Gascoyne prometeu uma nova atualização apenas para o GP da Hungria.

Tony Fernandes, em nota disse que é apenas uma oportunidade para testar um novo talento, “Para a Fórmula 1 continuar se desenvolvendo globalmente, precisamos continuar criando novas oportunidades para talentos ao redor do mundo. Como um jovem piloto asiático, o Karun enfrenta ainda mais obstáculos para alcançar seus objetivos. Estou muito orgulhoso de conseguir lhe dar essa chance”.

Segundo informações da própria equipe, a situação do veterano piloto italiano é normal e já existe um estudo para a renovação de seu contrato. Chandhok, participou este ano de treinos livres nas sessões de sexta-feira pelo Team Lotus e não creio que terá um melhor desempenho que Trulli ou Kovalainen. Além de Chandhok a equipe tem em seu quadro de pilotos reservas o italiano Davide Valsecchi, o luso-angolano Ricardo Teixeira e o brasileiro Luiz Razia.

Fórmula Nippon Fuji Rod 3 vitória de Lotterer...

O alemão Andre Lotterer, da equipe (Petronas Tom's), confirmou o 100 % de aproveitamento na temporada 2011 da Fórmula Nippon ao vencer sua segunda corrida no ano, a etapa (Rod 3) foi realizada neste último domingo (17) no circuito de Fuji Speedway, na província de Shizuoka.

Lotterer, não participou da etapa (Rod 2), porque foi disputar as 24 Horas de Le Mans pela Audi e saiu de lá com a vitória na famosa corrida francesa, em sua volta ao Japão ele dominou a 3ª etapa da F-Nippon desde o início da prova. Largando na pole o brasileiro João Paulo de Oliveira, atual campeão da categoria tinha tudo para fazer uma boa corrida, mas foi ultrapassado ainda na primeira volta por Lotterer, terminando a corrida na 4ª posição.


JP de Oliveira, sofreu mais uma vez com os problemas no pit stop, sua equipe a Mobil Team Impul vem pisando na bola faz um bom tempo, no ano passado chegou a perder pontos preciosos por causa de erros durante as paradas obrigatórias, o brasileiro teve que buscar na pista o tempo perdido pela equipe mas felizmente acabou sendo o campeão. Em 2011 os problemas novamente estão acontecendo e com isso o belo trabalho do piloto fica comprometido.

O japonês Kohei Hirate companheiro de equipe de JP foi o segundo colocado o piloto de Aichi-ken enfim faz uma boa corrida este ano, completando o pódio Kazuki Nakajima, da (Petronas Tom's) que em três corridas conquistou uma vitória e dois terceiros lugares e mantém a liderança da competição seguido de perto por Lotterer, dois pontos atrás.


A próxima etapa do campeonato será realizada no dia 7 de Agosto no circuito misto de Twin-Ring Motegi, uma semana antes do feriadão e com certeza o forte calor irá exigir muito dos pilotos.  

Segue o resultado final da etapa de Fuji Speedway :

1 - Andre Lotterer (Petronas Tom's) 44 voltas
2 - Kohei Hirate (Team Impul) a 2s623
3 - Kazuki Nakajima (Petronas Tom's) a 10s041
4 - João Paulo de Oliveira (Team Impul) a 10s908
5 - Koudai Tsukakoshi (Docomo Racing) a 15s479
6 - Hiroaki Ishiura (Kygnus Sunoco) a 25s063
7 - Takashi Kogure (Nakajima Racing) a 41s266
8 - Daisuke Nakajima (Nakajima Racing) a 45s733
9 - Naoki Yamamoto (Infinite Team) a 46s594
10 Takuya Izawa (Docomo Racing) a 49s116
11 Takashi Kobayashi (HP Real Racing) a 1:09s633
12 Kazuya Oshima (Team LeMans) a 1:11s508
13 Andrea Cardarelli (Kondo Racing) a 3 voltas
14 Koki Saga (Le Beausset Motorsports) a 4 voltas
15 Yuji Kunimoto (Projeto μ/Cerumo) 

Fotos Hideki Saito 

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Luca di Montezemolo confirmou que Massa continua na Ferrari em 2012...

O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, mais uma vez confirmou que a equipe não tem a intenção de troca sua dupla de pilotos para a próxima temporada, o nome do brasileiro Felipe Massa é o foco das principais notícias relacionadas nos bastidores da Fórmula 1, no que diz respeito as mudanças do quadro de pilotos.

Para o "suposto" lugar de Massa, constantemente são apresentados vários nomes de pilotos e ex-pilotos, mas mesmo desmentindo os "boatos" tanto a Ferrari quanto o próprio brasileiro, a pressão em cima do piloto da Ferrari é muito grande. Felipe Massa, não vem apresentando bons resultados este ano ao contrario de seu companheiro de equipe que é o atual terceiro colocado na competição.

Alonso que venceu o último GP na Inglaterra, tem o seu lugar na equipe garantido até o final da temporada de 2016, já Massa até 2012 . Para 2013 sua posição dentro da escuderia de Maranello ainda é uma incógnita, mas caso não apareça um piloto melhor que Massa é muito difícil a equipe apostar em outro nome para ser companheiro do espanhol Fernando Alonso.

Na semana passada o brasileiro afirmou que enquanto existir possibilidades matemáticas de título, a Ferrari vai brigar por ele, mesmo com a grande vantagem no campeonato para o campeão Sebastian Vettel, da RBR, que venceu 6 das 9 corridas deste ano.

terça-feira, 19 de julho de 2011

Pirelli vai testar novos pneus macios...

Nos treinos livres de sexta-feira para o Grande Prêmio da Alemanha, a Pirelli testará os novos compostos de pneus macios que serão avaliados para serem utilizados no futuro, a fabricante acredita que deverá ser mais duráveis.

As mudanças dos novos compostos é para diminuir o número de trocas de pneus, pois com o desgaste excessivo as paradas nos boxes tem aumentado a cada GP, o pneu super macio já apresentou um desgaste menor do que o esperado nesta temporada.

Paul Hembery, diretor de corridas da Pirelli disse que não há uma decisão sobre quando poderá ser utilizado este "novo" pneu. A fabricante italiana estuda para a próxima temporada mudar o "tamanho" dos pneus traseiros com isso dar uma maior durabilidade.

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Renault nega que vai trocar de motor em 2012...

A equipe Lotus-Renault GP ou Renault, negou relatos que irá trocar o fornecedor de motor para a temporada 2012, há "rumores" que essa parceria com a montadora francesa está com os dias contados e no próximo ano a equipe usaria os motores Cosworth

Todos sabem que a equipe não anda bem das pernas após um processo na justiça contra o Team Lotus, onde ambas as partes sairam desgastadas, a onda de boatos aumenta a cada dia, alguns especialistas dizem que a montadora deverá no "futuro" ser apenas uma fornecedora de motores.

Jean-François Caubet, da Renault, disse a impresa francesa que estava muito surpreso com a nova série de boatos, "estamos estudando em discutir seriamente com a Lotus-Renault para desenvolver o novo motor V6 para a temporada 2014" acrescentou. A equipe não faz uma boa temporada e o substituto do polonês Robert Kubica, continua com o fraco aproveitamento em corridas, apesar de ter conseguindo um pódio este ano e um oitavo lugar no GP da Inglaterra.

O alemão Nick Heildfeld, depois de um começo promissor caiu de rendimento juntamente com a equipe que foi ultrapassada no mundial de construtores pela Mercedes, no último Grande Prêmio.

Sergio Perez e Jules Bianchi, farão testes na Ferrari em setembro...

A Ferrari, revelou que no mês de Setembro, dois jovens pilotos farão testes na equipe, o modelo à ser pilotado será o (F2009), provavelmente na pista de Mugello ou Fiorano, o mexicano Sergio Perez, da (Sauber) e Jules Bianchi, piloto da GP2 e membro do programa de treinamento para jovens pilotos da Ferrari, irão participar da avaliação.

Essa talvez seja a grande chance de Perez, na Ferrari, caso o piloto demonstre um bom desempenho com a máquina, ele será mais uma opção entre os possíveis candidatos a "vaga" do brasileiro Felipe Massa, que tem contrato apenas até o final de 2012.

Com um grande apoio de patrocinadores o mexicano chegou a Fórmula 1, mesmo sendo um dos estreantes no ano, o piloto da Sauber tem mostrado ser rápido o suficiente para conseguir um carro em uma equipe de ponta, com isso se Perez for para a Ferrari, seu lugar ficará em aberto e Bianchi poderá assumir o posto. A "luz" vermelha para Felipe Massa parece que acendeu, será que seus dias na F1 estão contados ?

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Fórmula Indy vitória de Dario Franchitti em Toronto...

Desta vez não deu para o australiano Will Power, o piloto que é considerado um dos especialistas em circuitos mistos, se envolveu em um acidente com o "rival" Dario Franchitti e abandonou a corrida em Toronto logo após o choque. A vitória ficou com o escocês Franchitti, da (Chip Ganassi), a equipe fez a dobradinha com segunda posição de Scott Dixon.

O GP de Toronto, foi mais uma prova movimentada por acidentes e bandeiras amarelas, logo na segunda volta o brasileiro Tony Kanaan, da (Lotus KV), foi tocado pelo carro de Ryan Briscoe e abandonou a disputa, o piloto ficou muito irritado com a manobra.

Com a vitória, Franchitti  abriu uma vantagem de 55 pontos no campeonato para Power, piloto da equipe (Penske) e Scott Dixon mantém na terceira colocação, Tony Kanaan é o quinto, a melhor colocação entre os cinco pilotos brasileiros na categoria.

Entre os brasileiros, em Toronto, Vitor Meira foi o melhor colocado, com o quinto lugar. O piloto da (AJ Foyt), largou em 13º, mas fez uma prova de recuperação. Bia Figueiredo, da (Dreyer & Reinbold), largou em 26º colocação e terminou a prova em 11º, mostrando uma boa evolução na corrida e Hélio Castroneves, da (Penske), foi o 17º.

A próxima etapa da Fórmula Indy será no dia 24 de Julho, mais uma vez no Canadá só que o circuito será o de Edmonton. Abaixo do resultado um vídeo com os melhores momentos da prova em Toronto.

Segue o resultado dos dez primeiros colocados em Toronto :

1 - Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi) 85 voltas
2 - Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi) a 0s7345
3 - Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Autosport) a 6s0144
4 - Marco Andretti (EUA/Andretti Autosport) a 6s5671
5 - Vitor Meira (BRA/AJ Foyt) a 7s0104
6 - Sébastien Bourdais (FRA/Dale Coyne) a 7s5671
7 - Ryan Briscoe (AUS/Team Penske) a 9s0101
8 - JR Hildebrand (EUA/Panther) a 9s3114
9 - Ernesto Viso (VEN/Lotus KV) a 14s1750
10 Simona de Silvestro (SUI/HVM) a 14s7843

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Fernando Alonso vence o GP da Inglaterra...

Ufa ! Até que enfim, outro piloto vence uma corrida da Fórmula 1, o espanhol Fernando Alonso, da (Ferrari), fez a festa no Grande Prêmio da Inglaterra, a corrida disputada neste domingo (10) no circuito de Silverstone foi recheada de emoções e confusões, mas o bicampeão Alonso não tinha nada a ver com os problemas da FIA e contou com uma "ajuda" da equipe RBR no erro no pit-stop de Vettel.

A corrida começou com pista molhada e os pilotos tiveram que largar com pneus intermediários, logo na largada o pole Mark Webber, da (RBR), perdeu a posição para seu companheiro de equipe Vettel, Alonso vinha  logo atrás mas perdia rendimento, quem se deu muito bem no início da prova foi o piloto da casa Lewis Hamilton, que pulou de décimo para quinto em apenas uma volta.


Na 12ª volta começaram os trabalhos de pit-stop para colocar pneus para pista seca e deu inicio as melhores brigas por posições da corrida, foi nos boxes que Alonso conquistou a primeira posição na corrida, na 27ª volta os pilotos Sebastian Vettel e Fernando Alonso foram para a troca de pneus juntos e a RBR teve um problema no macaco hidráulico que levanta o carro, perdendo segundos preciosos e a liderança da corrida, quem se aproveitou disso tudo foi Alonso, que assumiu a ponta para não sair mais e venceu sua primeira corrida na temporada e a 27ª na carreira.

Vettel, chegou em segundo e mantém a liderança isolada do campeonato, agora são 80 pontos. Mark Webber, que fez uma ótima corrida completou o pódio, depois de tentar por várias vezes ultrapassar Vettel, a equipe RBR chegou a dar alguns avisos à Webber pelo rádio, o piloto não obedeceu e após a prova o australiano estava muito irritado com a situação.


Correndo em casa Lewis Hamilton foi mais uma vez um piloto aguerrido e lutou bravamente por cada posição na corrida em Silverstone, chegando na quarta posição com méritos, pois precisava economizar combustível para o final da corrida e ainda aguentar a pressão de Felipe Massa, que chegou a tentar sem sucesso a ultrapasagem na última curva, os dois chegaram a se tocar mas a manobra foi considerada normal.


Rubens Barrichello, da (Williams), chegou em 13º o piloto que largou em décimo quinto e perdeu 5 posições na largada, sofreu muito com o desempenho do carro com pista molhada. Button, foi outro piloto que não conseguiu um bom resultado, durante sua troca de pneus a equipe McLaren não colocou uma porca na roda dianteira direita e o piloto teve que abandonar a corrida.


O mexicano Sergio Perez, da (Sauber), conseguiu seu melhor resultado no ano, a 7ª posição, o piloto que sofreu um forte acidente nos treinos em Mônaco, acabou ficando de fora de duas corridas e mostrando um bom desempenho no GP da Inglaterra consegue um ótimo resultado. O japonês Kamui Kobayashi, abandonou a corrida na 27ª volta com problemas mecânicos.

Confira o resultado final do GP da Inglaterra :

1 - Fernando Alonso (Ferrari) 52 voltas
2 - Sebastian Vettel (RBR) a 16s511
3 - Mark Webber (RBR) a 16s947
4 - Lewis Hamilton (McLaren) a 28s986
5 - Felipe Massa (Ferrari) a 29s010
6 - Nico Rosberg (Mercedes) a 1:00s655
7 - Sergio Perez (Sauber) a 1:05s590
8 - Nick Heidfeld (Renault) a 1:15s542
9 - Michael Schumacher (Mercedes) a 1:17s912
10 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) a 1:19s712
11 Adrian Sutil (Force Índia) a 1:19s74
12 Vitaly Petrov (Renault) a 1:20s600
13 Rubens Barrichello (Williams) a 1 volta
14 Pastor Maldonado (Williams) a 1 volta
15 Paul di Resta (Force Índia) a 1volta
16 Timo Glock (Marussia Virgin) a 2 voltas
17 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) a 2 voltas
18 Vitantonio Liuzzi (Hispania) a 2 voltas
19 Daniel Ricciardo (Hispania) a 3 voltas

Fotos Sutton

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Felipe Massa é o mais rápido no 2º treino livre em Silverstone...

Foi no final da segunda sessão mas o brasileiro Felipe Massa, da (Ferrari), fecha a sexta-feira de treinos livres na primeira posição, apesar do tempo ser bem acima do tempo de Webber no 1º treino, é bom ver Massa no topo do grid. A chuva aumentou e muito dificultando o trabalho de pilotos e equipes, as condições da pista hoje não eram das melhores e os carros foram pra pista só nos 40 minutos finais.

O alemão Nico Rosberg, da (Mercedes), veio logo atrás de Massa, e o japonês Kamui Kobayashi, da (Sauber), que bateu forte na  1ª sessão em Silverstone foi o terceiro, recuperando-se do "susto" da manhã. A dupla da McLaren, entrou na pista nos minutos finais e conseguiu o quarto e quinto tempo com Hamilton e Button.

Rubens Barrichello, manteve-se entre os dez melhores tempos nas duas sessões, o brasileiro que anda muito bem com condições de pista molhada terminou o dia com o 8º tempo. Já o líder do campeonato Sebastian Vettel, teve uma sexta-feira discreta, mas como disse no treino da manhã, isso não quer dizer nada, o alemão "parece" que quando quer vai lá e marcar o melhor tempo sem forçar o equipamento.

O último treino livre para o Grande Prêmio da Inglaterra, será realizado neste sábado as 18:00 horas, horário do Japão e o treino classificatório que define o grid de largada para a corrida de domingo, será as 21:00 horas.

Confira os melhores tempos da 2ª sessão em Silverstone :

1 - Felipe Massa (Ferrari) 1:49s967
2 - Nico Rosberg (Mercedes) 1:50s744
3 - Kamui Kobayashi (Sauber) 1:51s395
4 - Lewis Hamilton (McLaren) 1:51s438
5 - Jenson Button (McLaren) 1:51s518
6 - Adrian Sutil (Force Índia) 1:51s738
7 - Paul di Resta (Force Índia) 1:51s781
8 - Rubens Barrichello (Williams) 1:51s992
9 - Sergio Perez (Sauber) 1:52s169
10 Sébastien Buemi (Toro Rosso) 1:52s189
11 Vitaly Petrov (Renault) 1:52s198
12 Michael Schumacher (Mercedes) 1:52s325
13 Heikki Kovalainen (Team Lotus) 1:52s578
14 Mark Webber (RBR) 1:52s587
15 Fernando Alonso (Ferrari) 1:52s869
16 Nick Heidfeld (Renault) 1:54s023
17 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) 1:54s274
18 Sebastian Vettel (RBR) 1:54s545
19 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) 1:54s714
20 Pastor Maldonado (Williams) 1:55s155
21 Jarno Trulli (Team Lotus) 1:55s155
22 Timo Glock (Marussia Virgin) 1:55s549
23 Daniel Ricciardo (Hispania) 1:55s828
24 Vitantonio Liuzzi (Hispania) 1:56s037

Mark Webber é o mais rápido no 1º treino livre em Silverstone...

O australiano Mark Webber, conseguiu o melhor tempo na primeira sessão de treinos livres para o GP da Inglaterra, com a pista molhada o piloto da RBR superou os adversários no final da sessão, marcando 1:46s603 com os veteranos Michael Schumacher, da (Mercedes) em 2º e o brasileiro Rubens Barrichello, da (Williams) em 3º.

Sebastian Vettel, líder isolado do campeonato, foi apenas o 13º mas isso não significa muita coisa pois o alemão com certeza é franco favorito para a pole de amanhã, correndo em casa os ingleses Lewis Hamilton, foi o oitavo e Jenson Button, terminou em 15º.

Felipe Massa, da (Ferrari), fez o quinto tempo ficando à frente do companheiro de equipe Fernando Alonso. O japonês Kamui Kobayashi, da (Sauber), cometeu um erro ao perder o controle do carro e subir na grama, ele acabou batendo forte e destruiu seu carro, para a segunda sessão sua participação ainda é uma dúvida.

Confira os melhores tempos da 1ª sessão em Silverstone:

1 - Mark Webber (RBR) 1:46s603 19 voltas
2 - Michael Schumacher (Mercedes) 1:47s263
3 - Rubens Barrichello (Williams) 1:47s347
4 - Sergio Perez (Sauber) 1:47s422
5 - Felipe Massa (Ferrari) 1:47s562
6 - Nico Rosberg (Mercedes) 1:47s758
7 - Fernando Alonso (Ferrari) 1:48s161
8 - Lewis Hamilton (McLaren) 1:48s549
9 - Nico Hulkenberg (Force Índia) 1:48s598
10 Jaime Alguersuari (Toro Rosso) 1:48s678
11 Paul di Resta (Force Índia) 1:48s730
12 Sébastien Buemi (Toro Rosso) 1:48s778
13 Sebastian Vettel (RBR) 1:48s794
14 Pastor Maldonado (Williams) 1:48s809
15 Jenson Button (McLaren) 1:48s841
16 Nick Heidfeld (Renault) 1:48s941
17 Vitaly Petrov (Renault) 1:49s603
18 Kamui Kobayashi (Sauber) 1:50s133
19 Jarno Trulli (Team Lotus) 1:50s222
20 Karun Chandhok (Team Lotus) 1:51s119
21 Timo Glock (Marussia Virgin) 1:52s470
22 Vitantonio Liuzzi (Hispania) 1:53s143
23 Jérôme d'Ambrosio (Marussia Virgin) 1:53s469
24 Daniel Ricciardo (Hispania) 1:54s334

Os links da semana...

Com a mudança no calendário do meu trabalho passando as folgas para as quintas e sextas-feiras, infelizmente não terei tempo hábil para fazer postagens diárias aqui no blog, diante disto resolvi indicar os melhores links da semana relacionados à F1 !

Com média alta de ultrapassagens, Silverstone promete “resgatar” emoção da temporada, por CorridadeF1...

Dono da Hispania vende escuderia para o grupo de investidores espanhóis, por Globo.com...

Todos vão peder, afirma Massa sobre novas regras, o brasileiro crê que, se a Ferrari for bem em Silverstone, estará bem encaminhada para o restante da temporada, por TotalRace

Williams-Renault: a história de uma parceria de sucesso, "A parceria da Renault começa numa altura crucial na história da Fórmula 1 : o fim da era Turbo e a aparição dos motores 3.5 litros, por ContinelCircus

Schumacher repete que não vai se aposentar em 2011, mais um vez o veterano piloto fala sobre sua situação na atual F1, por GP Update em inglês...

Nesta segunda-feira (4) além dos anúncios da Hispania e Williams, a equipe Marussia Virgin anunciou sua parceria técnica com a McLaren, por site Tazio

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Lucas di Grassi confirmado como piloto oficial da Pirelli...

O brasileiro Lucas di Grassi foi confirmado como piloto de testes oficial da fabricante de pneus italiana Pirelli, as próximas cinco sessões deste ano serão realizadas pelo ex-piloto da MRV na F1, o objetivo é desenvolver uma nova geração de pneus. Di Grassi vai ainda assistir algumas provas da temporada, começando pelo GP da Inglaterra neste final de semana, em Silverstone.

No desenvolvimento dos pneus as informações passadas pelo piloto é um fator importante e crucial, para o diretor da Pirelli, Paul Hembery, Lucas impressionou não só com o seu ritmo que é vital mas também com seu feedback técnico aos engenheiros e disse : “é uma prazer receber Lucas na equipe, nós estamos indo para simular com precisão as condições de corrida” concluiu o dirigente.

Pirelli também está discutindo com as equipes os novos rumos a tomar em 2012, bem como tentar encontrar uma solução para sua falta de acesso a carros modernos, o modelo Toyota de 2009 está chegando ao final de sua vida “útil”. “O carro não tem o tanque de combustível do tamanho dos atuais, não tem o DRS e muito menos o KERS. 

Em 2013 o regulamento será provavelmente diferente, os carros terão menos downforce e maior velocidade máxima , por isso precisamos sentar e encontrar uma solução”, explicou Hembery.

Lewis Hamilton, pede para Villeneuve e Mansell guardarem suas opiniões...

O inglês Lewis Hamilton, “pediu” para os ex-pilotos de F1, Jacques Villeneuve e Nigel Mansell, manterem suas opiniões sobre o futuro dele para si mesmos, o piloto da McLaren é “alvo” das principais notícias relacionadas a uma possível transferência entre McLaren e RBR. O campeão de 2008 faria dupla com o alemão Sebastian Vettel, no lugar do australiano Mark Webber, em 2012 ou 2013.

Mansell e Villeneuve publicamente tem recomendado que Hamilton fique na McLaren, pois acreditam que lá ele não corre o risco de ser o “escudeiro” da estrelinha da RBR. Em entrevista à BBC, Lewis disse : “Acho que é um pouco divertido, não acho que ninguém se importa com o que dizem. Eu acho que se você tem uma opinião, é melhor guardá-la”.

Por várias vezes Hamilton, fez questão de desmentir todos os boatos e garantiu que está feliz na equipe, onde tem contrato por mais um ano e meio.

Carro de Tuka Rocha, pegou fogo na Stock Car...

Um acidente impressionante aconteceu na etapa brasileira da Stock Car, a corrida que foi disputada no domingo (3), no Autódromo de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, foi vencida pelo piloto Cacá Bueno, da Red Bull. O paulista Tuka Rocha, saltou do carro em movimento para escapar do fogo que invadiu o interior do carro, confira as imagens.

O jornalista Rodrigo Mattar, fez uma excelente critica sobre o incidente e a categoria, vale a pena dar uma lida. "O fogo nada amigo na Stock". 

Williams anunciou, em 2012 correrá com motores Renault...

Nesta segunda-feira (4) a equipe Williams, anunciou oficialmente que irá trocar o fabricante de motores para a temporada 2012, sai o Cosworth e volta a parceria com a Renault, o contrato será para dois anos, com as novas regras de motores para 2014 onde o motor V6 será introduzido, existe a possibilidade de continuar com a Renault.

Essa parceria entre a fabricante francesa Renault e a equipe inglesa Williams, deu nos anos 90 quatro títulos mundiais de pilotos e cinco de construtores, entre os anos de 92 e 97 com os motores Renault a equipe venceu 63 corridas. Frank Williams, disse que estava muito contente em voltar a trabalhar com a Renault nos próximos dois anos, "nosso relacionamento anterior com a Renault foi um dos mais bem sucedidos da história da Williams, mas devemos olhar para o futuro e continuar a reconstruir nossa reputação" concluiu Frank em um comunicado oficial.

A Williams tomou recentemente várias medidas importantes, comercialmente e tecnicamente, para atualizar suas operações e nós sentimos que esta parceria é uma um passo importante nos seus planos - disse o presidente da fabricante de motores, Bernard Rey. Em 2012 a Renault fornecerá motores para quatro das 12 equipes, RBR, Renault , Team Lotus e Williams, com isso a Cosworth, ficaria com apenas as "novatas" Hispania e Marussia Virgin.

Com o fracasso do modelo FW33, espera-se que o novo modelo FW34 que está sobre o comando do ex-engenheiro da McLaren, Mike Coughlan, possa trazer as vitórias de volta a equipe de Rubens Barrichello, ainda é cedo para prever, mas um sucesso no passado poderá render frutos no futuro. Quem sabe ? façam suas apostas...

Fotos Getty Imagens - Damon Hill no FW15C

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Kamui Kobayashi irá nenovar seu contrato com a Sauber...

O japonês Kamui Kobayashi, piloto da equipe Sauber deverá anunciar nos próximos dias sua renovação de contrato com o termino no final de 2012, muito se especulava-se que o jovem promissor piloto fosse ocupar algum lugar em uma equipe grande, porém o próprio Kamui já havia admitido fidelidade a Sauber e não tinha a intenção de sair do time suíço.

Ex-piloto de testes da Toyota em 2009, conseguiu uma vaga de titular na Sauber para 2010 e foi a maior revelação do campeonato entre os novatos, este ano ele vem mostrando que mesmo com pouca experiência tem terminado quase todas as corridas na zona de pontuação, chegando a ocupar a segunda posição no GP do Canadá por várias voltas.

Kobayashi, disse que o entusiasmo para o Grande Prêmio da Inglaterra é grande, por ser um circuito de alta velocidade essa é a pista ideal para ele, muitos pontos de ultrapassagens, curvas rápidas e o público é muito animado. No ano passado Kamui, conseguiu seu melhor resultado na temporada, um sexto lugar na corrida em Silverstone, os pneus terão papel fundamental na corrida.

"Kobashow", conquistou muitos fãs com seu estilo emocionante de pilotagem, a torcida por ele é grande em várias partes do mundo, recentemente em entrevista a imprensa brasileira, o piloto se disse surpreso ao ser revelado que possui uma grande torcida em solo tupiniquim, ele agradeceu aos fãs e espera continuar dando alegrias a torcida.