segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Michael Schumacher sofre acidente em estação de esqui.


O ex-piloto de Fórmula 1, Michael Schumacher, sofreu um grave acidente neste domingo, em uma estação de esqui em Méribel, na França. O alemão teve um trauma grave ao bater a cabeça em uma pedra e foi levado de helicóptero ao hospital Moutier, que fica a 17 kms do local, menos de dez minutos após a queda. Logo depois, foi removido a outro hospital, em Grenoble, onde foi constatado um tramatismo craniano grave, ele permanece em coma e seu estado é crítico.

De acordo com a emissora de rádio francesa RMC, Schumacher foi submetido a uma cirurgia por causa de uma hemorragia cerebral. A assessoria de imprensa de Michael Schumacher divulgou nota oficial confirmando as noticias, de que o alemão luta pela vida. A porta-voz do alemão, Sabine Kehm, afirmou mais cedo que ele utilizava um capacete no momento do choque.

Acredita-se que Schumacher estava em uma parte fora dos limites de segurança da pista de esqui, um local perigoso. O chefe da estação de esqui onde ocorreu a queda, contou a respeito dos procedimentos de primeiros socorros ao ex-piloto. “A polícia está agora conduzindo a investigação sobre os motivos da queda. Nós ainda não sabemos se isso aconteceu em uma pista ou fora dela explicou - Christophe Gernignon-Lecomte”.

Atualização: Agora a pouco foi realizada uma conferência de imprensa no hospital Grenoble, confira trechos do comunicado:

“Michael Schumacher teve um trauma muito sério. Estava num estado de agitação quando foi atendido, e rapidamente chegamos à conclusão de que estava numa situação critica, caindo rapidamente em coma. O tratamento neurológico foi urgente, no sentido de aliviar a pressão craniana. Infelizmente, ele têm algumas lesões cerebrais”, afirmou o Prof. Jean-Francois Payen, chefe do serviço de reanimação do Hospital Universitário de Grenoble.

Além disso, os médicos afirmaram que o impacto foi em alta velocidade e que o choque aconteceu do lado direito do seu crânio. Eles acreditam que graças ao capacete que Schumacher usava no momento do acidente, ajudou a salvar-lhe a vida.

“Podemos afirmar que ele esta lutando pela vida o seu estado permanece critico. Não poderemos fazer qualquer prognóstico por agora, apesar de estarmos monitorando permanentemente. Sem o capacete, ele não estaria por aqui” - finalizou. No fim da tarde desta segunda-feira, outro comunicado será feito ao fãs e a imprensa.  

sábado, 28 de dezembro de 2013

Ricciardo poderá surpreender em 2014.


O chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, acredita que o australiano Daniel Ricciardo, novo companheiro de equipe de Sebastian Vettel, poderá ser uma das surpresas da próxima temporada de Fórmula 1. O ex-piloto da Toro Rosso, foi promovido ao time principal da RBR para substituir o compatriota Mark Webber, que deixou a categoria no final da temporada.

O australiano foi escolhido para a vaga, desbancado os rivais e candidatos ao cargo na RBR, como: Jean-Eric Vergne e Kimi Raikkonen, o primeiro permaneceu na Toro Rosso, já o finlandês, retornou a Ferrari.

“Eu acho que poderemos surpreender, pois ele é muito rápido, diz Christian Horner. Ele vai ter que aprender muito, mas eu acho que vai surpreender muita gente que não perceberam seu talento e sua velocidade. Daniel teve enorme capacidade de desempenho com a Toro Rosso, e continuou fazendo um ótimo trabalho com o equipamento que tinha à sua disposição”.

“Mesmo quando o fim de semana não começa bem, ele conseguiu inverter a tendência. Ele parece ter essa capacidade de não entrar em pânico. Às vezes tem sido difíceis as sessões de treinos livres nas sextas-feiras, e mesmo nas manhãs de sábado, mas quando começa a qualificação, ele consegue reverter o quadro conseguindo boas posições no quality”.

Horner acrescentou que a mudança nas regra vai facilitar a integração de Ricciardo na Red Bull, este acaba sendo o momento ideal para um novo recomeço. Além disso, o piloto australiano já está bem adaptado ao estilo da equipe austríaca. Creio que não terá muitas dificuldades na equipe campeã. As regras para a próxima temporada que prevê pontos dobrados para a última corrida do ano que foi aprovada neste mês, recebeu muitas criticas de pilotos e equipes e provavelmente não irá valer para 2014.

McLaren poderá apresentar o MP4-29 em janeiro.


Até agora nenhuma equipe de Fórmula 1 anunciou a data de apresentação de seus novos carros para a temporada 2014. Extra-oficialmente, de acordo com os últimos rumores, a McLaren poderá lançar o seu novo MP4-29 em 25 de janeiro, três dias antes do primeiro teste da temporada de inverno.

McLaren teria informado as outras equipes de F1 da sua intenção de apresentar o carro nesta data, para ter certeza que só eles farão o anúncio no dia. Acredita-se também que a nova McLaren virá nas cores laranja, cor original de formação do time de Woking, que correrá com os motores Mercedes em 2014 e os propulsores da Honda em 2015.

A dupla de pilotos será: Jenson Button e o novato Kevin Magnussen, atual campeão da Fórmula Renault 3.5. Em 2013, a McLaren fechou o ano apenas na quinta colocação do mundial de construtores, bem atrás das principais equipes e sem conseguir subir ao pódio em nenhuma das 19 etapas do campeonato.

Em entrevista a revista Autosport nesta semana, o chefe da equipe Martin Whitmarsh, admite que se sentiu responsável pelos resultados do time este ano. “A maior cobrança sobre mim vem de mim mesmo. O fato é que se a roda cai, a culpa é minha. Se o carro não é bom o suficiente, é minha culpa. Se o motorista comete um erro, a culpa também é minha. As pessoas falam sobre pressão, mas a maior parte da pressão é interna. O fracasso é uma coisa dolorosa, mas também pode ser o pontapé que você precisa para reorganizar tudo”.

A expectativa é fazer uma ótima temporada em 2014, já visando o retorno da parceria vitoriosa com a montadora japonesa Honda em 2015. “Eu sou otimista. Foi olhando para o futuro que nós tomamos algumas decisões que pareciam difíceis no passado, porque antes do início da temporada estávamos pensando que nosso carro era tão bom quanto os outros. Não podemos dizer que fizemos um bom trabalho, porque não fizemos. É mais fácil mudar quando estamos cientes disso. Com o acordo com a Honda, sabemos que seremos uma equipe forte pelos próximos 10 anos” - finalizou.  

sábado, 21 de dezembro de 2013

Esteban Gutierrez continua na Sauber.


Uma das últimas vagas disponíveis no grid para a temporada 2014 da Fórmula 1, foi preenchida pelo mexicano Esteban Gutierrez, que renovou seu contrato com a Sauber. A expectativa de ver o brasileiro Felipe Nasr correndo pelo time suíço caiu por terra após o anúncio nesta sexta-feira. O jovem piloto fará dupla com o alemão Adrian Sutil, ex-Force Índia.

Apoiado pelo grupo Telmex, Gutierrez recebeu a segunda chance, no comunicado enviado à imprensa a chefe Monisha Kaltenborn destaca: “Estamos satisfeitos que Esteban irá conduzir para nós em 2014 porque acreditamos que ele é um piloto de corridas jovem e talentoso. Na última temporada ele teve a experiência de ver o quão difícil pode ser para um novato entrar na Fórmula 1. No entanto, ao longo do ano foi melhorando significativamente na fase de testes, bem como nas corridas, e terminou o ano como o melhor estreante no campeonato de pilotos”.

O acordo da equipe suíça com o consorcio russo, que promoveria o piloto Sergey Sirotkin não deu certo, sendo assim, Sergey deverá ser anunciado como piloto reserva, já que não têm muita experiência. Atualmente há apenas três lugares disponíveis no grid para 2014 (uma na Marussia e duas na Caterham), os rumores dos últimos dias dão conta que uma das vagas na Caterham será do japonês Kamui Kobayashi, apesar do mesmo ter declarado em sua conta no twitter no dia 16 de dezembro, que esta possibilidade seja “remota”.

Esteban agradeceu a oportunidade: “Estou feliz por ser capaz de continuar como um piloto da Sauber F1 Team. Foi uma íngreme curva de aprendizado na temporada passada, mas trabalhando de perto com a equipe fui capaz de melhorar continuamente. Será meu quarto ano com a equipe, pois comecei como piloto de testes, o segundo como um piloto de corridas, e eu me sinto confortável em dar o próximo passo”.

Foto Sauber F1 Team - divulgação

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Fórmula Renault: Bruno Bonifácio fecha temporada com testes em Jerez e fala sobre planos para 2014.


Depois de uma intensa e positiva temporada nas divisões Alps e Eurocup da Fórmula Renault, Bruno Bonifácio encerrou suas atividades de pista em 2013 com quatro sessões de testes privados com a Prema Powerteam no circuito de Jerez, na Espanha. Entre segunda e terça (9 e 10) e sábado e domingo (14 e 15) da semana passada, o paulista acumulou quilometragem e informações sobre o traçado, uma das novidades do cronograma da categoria europeia para o ano de 2014.

Os trabalhos realizados em conjunto com a equipe italiana selaram o primeiro ano de Bonifácio como piloto da Fórmula Renault. Correndo na Alps, Bruno lutou pelo título durante todo o ano, participou de 14 provas, vencendo três delas, além de ter conquistado seis poles, fechando o ano na 3ª posição. Pela divisão Eurocup, o brasileiro disputou 14 corridas e alcançou como melhor resultado o terceiro lugar na corrida 2 de Spa-Francorchamps.

De olho em mais vitórias e títulos, Bruno deve continuar como piloto da Prema Powerteam na Fórmula Renault em 2014. O entrosamento entre o piloto e a equipe italiana foi muito positivo neste segundo ano - uma vez que, em 2012, o brasileiro correu pelo time na Fórmula Abarth, e sua ideia é manter esta união para a próxima temporada. Bonifácio deve anunciar, no começo de janeiro, seu programa completo para 2014.

Bruno Bonifácio:

“Os testes foram muito bons. Foi muito importante estar lá em Jerez para acumular informações. É uma das duas pistas novas para mim no calendário do ano que vem, então foi bom para conhecer o circuito, que é muito legal, muito completo. Então, além dos dados que trouxemos para a nossa equipe, foi importante pelo aprendizado, o saldo foi bastante positivo. Para o ano que vem, nosso plano é seguir na Fórmula Renault e fazer a Eurocup. Ainda não temos toda a certeza, mas talvez façamos algumas corridas do Alps também. No começo do ano, com todas as definições, vamos anunciar, junto com a equipe, nosso programa completo para 2014”.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Gustavo Lima abre temporada 2014 com disputa do Toyota Racing Series, na Nova Zelândia.


Faltando poucos dias para o início do ano novo, 2014 já reserva um grande desafio para a carreira de Gustavo Lima. O jovem piloto de Brasília vai disputar, pela primeira vez, o Toyota Racing Series, tradicional campeonato realizado na Nova Zelândia. Lima, que deve seguir na Fórmula 4 por mais uma temporada, terá desde janeiro um grande aprendizado pela frente, já que vai lidar com um carro novo e pistas ainda desconhecidas. O brasileiro vai correr pela M2 Competition, time campeão da temporada passada com Nick Cassidy, e terá como um dos seus companheiros o também brasiliense Pedro Piquet, filho caçula de Nelson Piquet.

Como preparação antes de embarcar para o outro lado do mundo, Gustavo viajou para Valência, na Espanha, onde fará alguns testes privados com um carro de Fórmula 3 para readquirir ritmo de pista. A última corrida de Lima aconteceu no fim de setembro em Donington Park, pela Fórmula 4. Na ocasião, a disputa da etapa derradeira da temporada lhe rendeu um pódio e a certeza de que 2014 será um ano ainda melhor para o piloto, que aposta em condições para brigar por vitórias e títulos.

Outra característica interessante do TRS é o fato de que os carros do certame - chassis Tatuus e motores Toyota com cerca de 215 cavalos de potência - são movidos a etanol. Trata-se da única categoria de base do mundo a fazer uso do combustível ecológico. A proposta vai de encontro à filosofia de Gustavo, que tem um programa pioneiro de sustentabilidade no automobilismo mundial, no qual neutraliza todo o consumo de gases poluentes emitidos em suas viagens e nas corridas ao longo da temporada.


Ao todo, o Toyota Racing Series é composto por cinco rodadas triplas consecutivas, com início em 9 de janeiro e encerramento para exatamente um mês depois. Entre os brasileiros que já correram no TRS estão Lucas Foresti, hoje piloto da World Series, Bruno Bonifácio, que corre na Fórmula Renault Eurocup, e Pipo Derani, que realizou sua última temporada na F3 Europeia. Apesar do noviciado na categoria, Gustavo entende que tem condições de brigar pelos primeiros lugares desde a abertura do campeonato, no circuito de Teretonga Park.

Gustavo Lima:

“Vai ser a minha primeira vez no Toyota Racing Series, então estou muito animado com esta nova experiência na carreira. Terei alguns desafios pela frente na Nova Zelândia, já que vou guiar um carro completamente novo para mim e também não conheço nenhuma das pistas do calendário. Mas enxergo nisso tudo uma grande forma de aprendizado para começar a temporada de 2014 com o pé direito. Vamos ver o que teremos pela frente por lá. De qualquer forma, meu foco está em andar sempre nas primeiras colocações ao longo deste campeonato”.

Toyota Racing Series, Nova Zelândia, calendário 2014:

Etapa 1 - 9 a 12 de janeiro, Teretonga Park, Invercargill
Etapa 2 - 16 a 19 de janeiro, Timaru International Raceway
Etapa 3 - 23 a 26 de janeiro, Highlands Motorsport Park, Cromwell
Etapa 4 - 30 de janeiro a 2 de fevereiro: Hampton Downs 
Etapa 5 - 6 a 9 de fevereiro, Manfeild, Feilding

19º Drift Day Soukoukai


No último final de semana, dias 14 e 15 de dezembro, foi realizado o 19º Drift Day Soukoukai, no kartódromo Kirin Arena em Itu - São Paulo, foram dois dias de muita borracha queimada onde os pilotos deram um show para o público presente. Pilotos que vieram ao Japão no início do mês de novembro, voltaram à pista e demostraram evolução nas manobras.


Confira a galeria completa das fotos tiradas pela equipe Hashimoto Motorsport em nosso slide show!

Gianluca Petecof encerra vitoriosa temporada de 2013 como vice-campeão na Copa das Federações.


No apagar das luzes de 2013 no kartismo brasileiro, Gianluca Petecof mostrou mais uma vez porque foi um dos grandes destaques do ano. Vencedor do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil na categoria Júnior Menor, o paulista de 11 anos encarou a Copa das Federações, seu desafio final na temporada no último fim de semana, no Kartódromo do Parque Beto Carrero em Penha (SC). No último sábado (14), o piloto da ONS Motorsport largou na primeira fila, foi o protagonista ao liderar o maior número de voltas da final e travou uma batalha emocionante e leal com seus adversários, sendo superado apenas no último giro, terminando assim na segunda colocação.

Por todo seu histórico vencedor nesta temporada, Petecof chegou a Santa Catarina para representar a Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP) como um dos favoritos. E desde o começo das atividades de pista no Parque Beto Carrero, o piloto andou entre os primeiros colocados. O bom trabalho teve sequência nas duas baterias classificatórias. Na soma de pontos que definiram o grid da grande final, Gianluca assegurou uma boa segunda posição.


A finalíssima da Copa das Federações foi eletrizante do começo ao fim. Gianluca andou sempre entre os ponteiros e, durante boas voltas, se revezou na liderança com outros dois oponentes, e mesmo quando ocupou a ponta na maior parte da disputa, não chegou a ter vantagem confortável, já que a corrida foi extremamente apertada. Petecof abriu a última das 25 voltas da corrida em primeiro, mas foi ultrapassado pelo pernambucano Sérgio Crispim Júnior e terminou em segundo. O resultado deixou Gianluca orgulhoso pela maneira aguerrida e limpa como lutou do início ao fim da bateria derradeira em Santa Catarina. Definitivamente, foi um belo desfecho para uma temporada vitoriosa de Petecof em 2013.


Gianluca Petecof:

“Foi uma boa forma de terminar a temporada. Andei entre os primeiros colocados desde o começo do fim de semana e consegui andar muito bem na grande final. Acabei sendo ultrapassado na última volta, mas só posso estar orgulhoso pelo segundo lugar porque dei o meu melhor e lutei muito em uma corrida final que foi muito disputada. Estou muito feliz por tudo o que conseguimos alcançar em 2013, os títulos e as vitórias, e só posso agradecer a todos que nos apoiaram. Agora é descansar, aproveitar as festas de fim de ano e voltar ainda mais forte em 2014”.

Fotos Jackson de Souza - Fonte Eversports

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Brasileiro de Turismo: JV Horto ganha dez posições e completa estreia no top-10 em Interlagos.


JV Horto estreou no Brasileiro de Turismo de forma marcante. Em sua primeira corrida na carreira com um não-monoposto, o piloto de Londrina, que não disputava uma prova desde a etapa de Indianápolis da Indy Lights, há um ano e meio, superou grandes desafios, como a adaptação a um carro completamente diferente do que estava acostumado e também o noviciado no circuito de Interlagos. Neste domingo (15), Horto realizou uma prova consistente com o carro #79 da Racequip (HPN Invest/Cotar Câmbio/Corval Corretora de Valores), se livrou das confusões que marcaram a última etapa da temporada e cruzou a linha de chegada num ótimo quinto lugar depois de ter largado em 17º. Entretanto, os comissários de prova impuseram ao paranaense uma punição - acréscimo de 20s no tempo de volta - por irregularidade no procedimento de volta de apresentação. Assim, João Victor foi declarado como sétimo colocado.

O fim de semana de debute de JV Horto no Brasileiro de Turismo começou complicado. O piloto teve pouco tempo para se adaptar ao carro e ao circuito de Interlagos por conta de problemas mecânicos. Depois de dois treinos livres, João Victor disputou a classificação e assegurou o 17º posto no grid. Mas tudo mudou nesta manhã. JV fez uma largada inteligente e escapou de um grande entrevero na primeira volta, subindo para 11º. Ao longo da corrida, Horto mostrou bela performance para um estreante, não cometeu erros, conseguiu tirar proveito dos imprevistos de seus oponentes e escalou o pelotão com propriedade.


Mesmo convivendo com problemas mecânicos e elétricos ao longo de toda a corrida, Horto conseguiu um grande resultado para um novato e terminou na quinta posição, que viraria quarto lugar depois que Gabriel Casagrande foi punido por um toque no carro de Marco Cozzi. Só que JV também foi punido e perdeu aquela que seria a quarta posição. Antes da volta de apresentação, o carro do paranaense apresentou uma pane elétrica e precisou ser empurrado, mas tal procedimento não ofereceu vantagem alguma aos adversários. Ainda assim, os comissários decidiram puni-lo com o acréscimo de 20s no seu tempo total de prova, caindo assim para a sétima colocação.

Assim, Felipe Fraga ganhou duas posições, subiu para quinto e faturou o título da primeira temporada da história do Brasileiro de Turismo. Para João Victor, a expectativa traçada antes do início das atividades em Interlagos foi cumprida à risca, já que a busca pelo máximo de aprendizado e o bom desempenho na pista causou boa impressão na categoria. Agora, o paranaense trabalha para buscar um lugar para disputar a temporada 2014.


JV Horto:

“Foi a minha primeira vez no carro e também em Interlagos, então foi um grande desafio. Tivemos alguns problemas mecânicos, que diminuíram nosso tempo de pista, mas conseguimos um bom resultado no final. Gostaria de agradecer à HPN Invest, Cotar Câmbio e Corval pelo apoio para que eu pudesse correr aqui. Foi uma experiência positiva, gostei bastante da categoria e agora estamos buscando patrocinadores para fechar a temporada completa em 2014”.

Fotos AS Image Sports - Fonte Eversports

domingo, 15 de dezembro de 2013

F1: Valtteri Bottas escolheu três números.


O finlandês Valtteri Bottas informou que escolheu três números para servir de identificação na Fórmula 1, a partir da próxima temporada os pilotos terão que escolher um número permanente com o qual utilizará em toda sua carreira na categoria.

A FIA começou o processo de seleção de números nesta semana, pedindo aos pilotos que escolham três opções antes do Natal. Bottas informou através de sua conta no twitter que têm preferência sobre o número 77, 11 ou 17, escrevendo #Bo77as!

Quatro outros pilotos já fizeram suas escolhas. Nico Rosberg escolheu o 6, 5 e 9 para a FIA, 6 é o número que seu pai usava quando ganhou o título em 1982. Sergio Perez quer o 11, Felipe Massa declarou que o 19 será seu número fixo na F1, com a numeração o brasileiro correu toda sua carreira no kart. Já o francês Jean-Eric Vergne manteve os números 25, 21 e 27.

A escolha do número pode variar entre 2 e 99, para servir como sua identificação ao logo de sua carreira no Mundial de Fórmula 1. O número 1 será reservado para o campeão mundial em exercício, que poderá usá-lo se assim desejar. Se mais de um piloto escolher o mesmo número, a prioridade será dada ao competidor que tenha alcançado a melhor posição no Mundial do ano anterior.  

sábado, 14 de dezembro de 2013

Adrian Sutil confirmado na Sauber para a temporada 2014 da F1.


A Sauber revelou o nome do primeiro piloto confirmado para a temporada 2014 da Fórmula 1, trata-se do alemão Adrian Sutil, ex-Force Índia, que na quinta-feira havia “perdido” a vaga no time indiano para o mexicano Sergio Perez, aliás, seu companheiro em 2013 Paul di Resta, também não renovou o contrato.

No comunicado enviado à imprensa a Sauber dá as boas vindas a Sutil: “A Sauber F1 Team tem o prazer de anunciar que Adrian Sutil será nosso piloto em 2014. O alemão começa assim sua sétima temporada como piloto de corridas na Fórmula 1. Estamos muito satisfeitos que fomos capazes de assinar com Adrian. No final de setembro ele havia visitado a nossa fábrica e fez uma foto da infra-estrutura. Adrian não só é muito rápido, mas também traz muita experiência, o que será muito importante em termos das novas regras no ano que vem. Estamos muito satisfeitos em recebê-lo e estamos ansiosos para uma cooperação bem sucedida” - finalizou a chefe da equipe Monisha Kaltenborn.

Para Sutil: “Estou muito feliz que achamos um denominador comum. Apesar de saber há um tempo para onde eu gostaria de ir, no fim, as negociações tornaram-se um pouco mais longas do que o planejado. Agora eu terei mais motivos para celebrar a temporada de Natal. Depois de seis anos pilotando pela Force Índia, com muitos destaques, agora é hora de embarcar em um novo desafio. Estou determinado a fazer minha parte para um futuro de sucesso com a Sauber. A longa e bem sucedida tradição do automobilismo limpo, juntamente com a fábrica impressionante e um dos melhores túneis de vento da F1, há muito tempo vêm me fascinando. Muito obrigado a Peter Sauber e Monisha Kaltenborn, pela confiança”.

O time suíço deverá anunciar em breve o nome do segundo piloto, o mexicano Esteban Gutierrez, aparentemente negocia com a Caterham. Com graves problemas financeiros a Sauber tenta um acordo com um grupo russo para promover Sergey Sirotkin, de apenas 18 anos, porém, o jovem piloto ainda não têm a super licença e a negociação segue sem novidades. Outra opção seria fechar com o brasileiro Felipe Nasr, quarto colocado na temporada 2013 da GP2, o brasiliense é uma das promessas do automobilismo mundial e traz consigo um bom aporte financeiro de seus patrocinadores.  

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

FIA WEC: Audi R18 e-tron quattro.


Este é o novo Audi R18 e-tron quattro, com o qual a equipe irá competir no Mundial de Endurance de 2014 e na tradicional 24 Horas de Le Mans. A Audi diz que o R18 e-tron quattro 2014 foi reconstruído a partir do zero, mesmo que o carro pareça uma evolução do seu antecessor. O fabricante teve que reconstruir o R18 por causa dos regulamentos LMP1 para 2014. O novo modelo e-tron quattro é alimentado por uma versão revisada do motor TDI V6 para as rodas traseiras e um sistema híbrido para o eixo dianteiro.

O novo Audi R18 vêm com um sistema otimizado de armazenamento de energia, e um sistema híbrido com um turbo charger elétrico no motor de combustão interna chamado de ERS-H (Sistema de Recuperação de Energia Calor). Segundo o fabricante esta nova versão gastará 30% menos combustível que seu antecessor. O R18 (2014) é 10 cm mais estreito e 20mm mais alto que a versão anterior, por outro lado, o cockpit ganhou maior espaço.


Outra mudança foi na asa dianteira, que tem uma aba em vez de um difusor, a traseira apresenta várias novidades na aerodinâmica. A Audi também melhorou a segurança do novo modelo. O novo monocoque deve resistir a cargas maiores de impacto. Ao mesmo tempo, ele foi reforçado com camadas adicionais de materiais difíceis de serem perfurados em caso de impacto concentrado, o que reduz o risco da penetração de objetos pontiagudos em acidentes, lembrando que a Audi sofreu dois acidentes muito fortes na prova de 2011 em Le Mans, na ocasião os pilotos saíram ilesos.

O objetivo da Audi é manter o domínio na categoria, que nos últimos anos ganhou um concorrente de peso, a fabricante japonesa Toyota com a versão do TS030 híbrido. Pela primeira vez, os cabos que prendem as rodas e a suspensão ao carro foram exigidos. Eles conectam as rodas dianteiras e a suspensão ao monocoque, e as traseiras à estrutura do chassi. Cada um dos dois cabos exigidos por roda devem suportar forças de 90 KN - o que equivale ao peso de nove toneladas métricas.   


Fotos Audi Sports - divulgação

Sergio Perez correrá pela Force Índia em 2014.


Sergio Perez estará representando a Force Índia a partir da próxima temporada da Fórmula 1. O mexicano assinou um contrato de vários anos com a equipe indiana. Ex-piloto da McLaren, Perez, ficou com poucas opções após ser informado pelo time inglês que não teria seu contrato prorrogado. Em seu lugar, a equipe resolveu promover o novato Kevin Magnussen.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira, em um evento em Londres, Inglaterra. Perez disse: “É fantástico poder anunciar que a minha nova equipe será a Sahara Force Índia. Vir para cá sempre foi minha primeira escolha e estou muito feliz em tudo ter sido confirmado. Gostaria de agradecer ao Vijay e a todo o time pela oportunidade. Este é um time jovem com muita determinação, que produziu carros competitivos nos últimos anos. Tudo muda para a próxima temporada com as novas regras, mas eu tenho um bom pressentimento sobre 2014. Meu plano agora é visitar a fábrica e conhecer todos na equipe” - finalizou.

Para o chefe e dono da equipe Vijay Mallya, a chegado do piloto mexicano foi comemorada: “É um prazer dar as boas-vindas ao Sergio no time. Ele traz um misto de juventude e experiência, e eu me impressionei bastante com suas performances recentes. Ele tem diversos pódios e seu nome ter sido escolhido pela McLaren no último ano é uma clara indicação de que ele é um piloto para se olhar para o futuro. Nós consideramos Sergio um talento incrível e estamos orgulhosos. Ele evidentemente tem grande velocidade e muito fogo na barriga. Nosso trabalho é garantir que ele se adapte rapidamente, criando a atmosfera correta para que ele apresente seu potencial. Com Sergio e Nico entramos na nova temporada com uma dupla extremamente competitiva, que nos ajudará a atingir nossos objetivos”.

Perez conta com um excelente apoio financeiro de seus patrocinadores, acredita-se que ele tenha levado para a Force Índia parte dos seus 15 milhões de dólares. Com mais este anúncio, restam poucas vagas em aberto na F1 2014, os pilotos Paul di Resta e Adrian Sutil, ainda não definiram onde irão correr na próxima temporada.  

Foto Sahara Force Índia - divulgação

Ex-Indy Lights, JV Horto volta ao Brasil e faz estreia no Brasileiro de Turismo em Interlagos.


A oitava e última etapa da primeira temporada da história do Brasileiro de Turismo, neste fim de semana (13 a 15), em Interlagos, terá a estreia de JV Horto no automobilismo nacional. O paranaense de Londrina, hoje com 23 anos, teve um início de carreira promissor no kart e se formou como piloto de monopostos nos Estados Unidos, onde correu em categorias como Fórmula BMW Americas, Star Mazda e a Indy Lights. Entretanto, depois de ter disputado a etapa de Indianápolis da categoria, em 2012, Horto se viu obrigado a interromper sua carreira por conta de um problema comum a outros tantos pilotos: a falta de patrocínio. Quase um ano e meio depois, JV retorna às pistas no templo do automobilismo brasileiro na preliminar da Corrida do Milhão, sonhando em um dia fazer parte do grid da Stock Car V8.

JV Horto não esconde a ansiedade pelo retorno às pistas e também por correr em Interlagos, “um circuito cheio de história, como Indianápolis”. Apesar de estar prestes a estrear no tradicional autódromo brasileiro, o piloto acredita que terá condições de se adaptar bem, não só ao traçado seletivo, mas também ao carro #79 que pilotará neste fim de semana, comandado por Carlos Castrale. Sua expectativa está em mostrar um bom trabalho que lhe valha uma vaga para fazer toda a temporada 2014 do Brasileiro de Turismo para, enfim, chegar ao grid da Stock Car no ano seguinte.


O bólido que JV Horto pilotará em Interlagos é completamente diferente ao qual estava acostumado na Indy Lights. Antes deste fim de semana, o paranaense teve apenas uma única experiência com carros de turismo quando, no começo de 2012, guiou um carro da Nascar K&N Pro Series, nos Estados Unidos.

A produção dos carros do Brasileiro de Turismo é liderada pela JL Racing, que também é responsável pelos carros da Stock Car. O motor do bólido será um V8 alimentado por injeção eletrônica de combustível, gerando 350 cv de potência, com tração traseira.

O desafio de JV Horto em Interlagos será maior porque o piloto terá pouco tempo de pista para se acostumar com o carro. A programação do Brasileiro de Turismo inicia na sexta-feira, com o primeiro treino livre, que terá 40 minutos, a partir de 14h50 (horário de Brasília). No sábado, acontece mais um treino livre, às 10h, com a classificação às 14. No domingo, a largada para etapa final da categoria em 2013 está prevista para 8h40. A corrida terá 35 minutos + 1 volta.


Transmissão:
A décima etapa do Brasileiro de Turismo em 2013 terá transmissão ao vivo na internet por meio do Portal R7 a partir de 8h25. A prova também será exibida por TV aberta na RedeTV!. O canal iniciará a programação da categoria às 14h.

JV Horto:

“É até difícil descrever a emoção por voltar a correr, ainda mais por fazer a minha estreia em Interlagos, que é um circuito cheio de história, como é Indianápolis. Estou confiante em conseguir uma rápida adaptação à pista e ao carro. Sei que o Brasileiro de Turismo é uma categoria muito equilibrada e difícil, então meu objetivo para este fim de semana é aprender muito e, quem sabe, obter um bom resultado. É importante estar aqui e mostrar meu potencial, até levando em conta que vamos fazer a preliminar da Corrida do Milhão. Quero fazer um bom trabalho para começar a pavimentar meu caminho rumo à Stock Car. Desde já, agradeço à HPN, Cotar Câmbio e Corval pela oportunidade para voltar a competir em alto nível depois de tanto tempo”.

Fotos divulgação - Fonte Eversports

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Gianluca Petecof disputa Copa das Federações no Kartódromo do Parque Beto Carrero.


Dono dos títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil na categoria Júnior Menor em 2013, Gianluca Petecof vai participar da 3ª Copa das Federações, competição que encerra a temporada do kartismo nacional, neste fim de semana (11 a 14), no Kartódromo do Parque Beto Carrero. Depois de disputar a última etapa da Copa SP Light de Kart, certame em que finalizou na quarta posição, o piloto da ONS Motorsport viaja para Santa Catarina com o objetivo de representar bem o estado de São Paulo e faturar mais um título em sua carreira.

Gianluca tem um histórico positivo no Kartódromo Beto Carrero. Em 2012, o piloto disputou o Campeonato Brasileiro em duas categorias: Cadete e Super Cadete. Em ambas, Petecof conquistou o terceiro lugar depois de alcançar desempenho constante em toda a competição. A experiência adquirida no ano passado, aliada à bela performance exibida em toda a atual temporada, credencia o paulista como um dos fortes candidatos à conquista do título da Copa das Federações.

A competição é promovida pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) e acontece pela terceira vez no Parque Beto Carrero, que foi sede das 500 Milhas de Kart há duas semanas. Participam também campeões e vice-campeões estaduais e interestaduais - Gianluca herdou a vaga na Copa das Federações de outro piloto que não participará da disputa. Outro atrativo, além do grid competitivo, é a premiação. Isso porque o campeão de cada categoria embolsará R$ 5 mil, enquanto o vice levará para casa R$ 3 mil.


O regulamento da competição é semelhante ao da Copa Brasil, vencida por Petecof em Vespasiano (MG). As atividades de pista da Copa das Federações começam nesta quarta-feira, com a execução do primeiro treino livre. No dia seguinte, será realizado mais uma sessão de treinos e a tomada de tempos que vai definir o grid de largada da primeira bateria classificatória, que será disputada na sexta-feira pela manhã. No sábado, logo após o warm up, a segunda bateria da competição acontecerá também pela manhã, enquanto a grande final tem início previsto para 14:00 horas (horário de Brasília).

Gianluca Petecof:

“Estou muito feliz por terminar uma temporada tão vitoriosa com a disputa da Copa das Federações, que é um pouco diferente porque reúne apenas campeões e vice-campeões de vários campeonatos, então o nível é muito alto. Vai ser legal também voltar ao Kartódromo Beto Carrero, uma das melhores pistas do país e onde fui bem no ano passado, é um lugar especial. Vou focado em representar bem meu estado, e vou fazer o meu melhor para buscar o título para São Paulo”.

Fotos Maurício Villela - Fonte Eversports

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Hyundai WRC i20


Hyundai revelou o seu novo carro de rally, trata-se do: WRC i20, que vai competir no FIA World Rally Championship 2014. A estreia do novo carro será no próximo mês, no rally de Monte Carlo, os carros serão pilotados no próximo ano por: Thierry Neuville, Juho Hanninen, Dani Sordo e Chris Atkinson. O i20 vêm com um novo difusor traseiro, para-choques modificados, novo capô com aberturas para o sistema de arrefecimento e uma asa traseira bem grande chama a atenção. O fabricante coreano não revelou mais detalhes técnicos.


Fotos Hyundai Motorsport - divulgação

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

F1: Seis equipes irão testar para a Pirelli no Bahrein.


A Fórmula 1 volta as pistas para uma sessão de três dias de testes com a fabricante de pneus Pirelli na próxima semana no circuito do Bahrein, visando desenvolver os novos compostos da próxima temporada. Seis equipes de Fórmula 1 foram autorizadas a participar do teste, que acontecerá de 17 à 19 de dezembro.

Todas as equipes de Fórmula 1 foram convidadas a participar nestes ensaios. No entanto, apenas Red Bull, Mercedes, Ferrari, McLaren, Force Índia e Toro Rosso aceitaram a oferta do fabricante italiano. Lotus, Sauber, Williams, Marussia e Caterham estarão ausentes destes ensaios, alegadamente por razões orçamentais.


O teste com os pneus era uma exigência da Pirelli, que queria utilizar os carros de 2013, que depois de muita discussão foi autorizado pela FIA. A Lotus quarta colocada no campeonato, perderá uma chance importante ficando de fora dos testes. As seis equipes com isto terão informações valiosas para começar os trabalhos em 2014 nas melhores condições.  

domingo, 8 de dezembro de 2013

Honda apresenta modelo que irá competir no WTCC em 2014.


A Honda, atual campeã entre os fabricantes do Campeonato Mundial de Turismo (WTCC), apresentou durante esta semana uma imagem do modelo Honda Civic que disputará a temporada 2014 da categoria, os pilotos: Gabriele Tarquini e Tiago Monteiro continuam à frente da equipe japonesa.

O novo carro, possui maior potência do motor e linhas aerodinâmicas mais agressivas que o antecessor, obedecendo também ao regulamento do próximo campeonato, ano em que se espera um aumento de três a cinco segundos no tempo de volta dos novos modelos. O veterano Tarquini mantém o posto de líder da equipe ao lado do português Monteiro.

Norbert Michelisz e Mehdi Bennani, também irão competir na próxima temporada com o modelo Honda Civic. Em 2013, foram 4 vitórias da Honda na competição, além de 20 pódios, a expectativa é que o novo Civic participe de testes já em janeiro.

Foto Honda - divulgação

sábado, 7 de dezembro de 2013

Infiniti Red Bull Racing confirma Sébastien Buemi e Antonio Felix da Costa como reservas em 2014.


A equipe Infiniti Red Bull Racing, anunciou nesta sexta-feira (6), que Sébastien Buemi e Antonio Felix da Costa, serão os pilotos reservas do time em 2014. Para Sébastien, a temporada de 2014 representará seu terceiro ano consecutivo, no papel de piloto reserva na equipe. O piloto suíço esteve no cargo pela primeira vez em 2008, antes de se tornar titular em 2009 pela Toro Rosso. Em 55 GPs com a equipe co-irmã, ele marcou 29 pontos no campeonato e completou mais de 13.000 kms, ou seja, cerca de 2.600 voltas em corridas.

Desde que voltou a Infiniti Red Bull Racing como piloto reserva em 2012, ele tem dividido seus deveres na equipe com corridas de carros de Gran Turismo, fazendo sua estréia nas 24 Horas de Le Mans, no mesmo ano. Na temporada 2013 do FIA WEC, Campeonato Mundial de Endurance, o piloto suíço conquistou bons resultados, fechando a última prova no Bahrein com vitória, além disso, marcou três pódios e terminou a tradicional prova em Le Mans, na segunda colocação.


Antonio Felix da Costa, por sua vez, já tem experiência no papel de piloto de testes e reserva na equipe, depois de ter substituído Sébastien em algumas corridas durante a temporada de 2013. O piloto português também tem uma vasta experiência no time Infiniti Red Bull Racing F1, pois participou de testes para jovens pilotos da categoria em 2012 e este ano. Além de participar durante o ano passado de uma série de shows car com a equipe.

Em 2013 Antonio correu na Fórmula Renault 3.5, tendo conquistado três vitórias, terminando em terceiro lugar no campeonato. Em 2012, ele sagrou-se campeão do tradicional Grande Prêmio de Macau de Fórmula 3, na ocasião ele era apoiado pela Red Bull Racing. Apesar da expectativa de ser titular em 2014, o piloto português “perdeu” a vaga para o russo Daniil Kvyat, na Toro Rosso, no entanto, terá a chance de continuar envolvido com a categoria na condição de reserva. Outra novidade é que, Felix da Costa, será um dos pilotos da BMW, na temporada 2014 do DTM, campeonato alemão de gran turismo.


No comunicado enviado à imprensa, o chefe Christian Horner disse: “É ótimo ser capaz de anunciar a assinatura de Sébastien e Antonio para 2014. No próximo ano, teremos a maior mudança no regulamento técnico da Fórmula 1, além do retorno de testes durante a temporada, portanto, fomos capazes de chamar dois pilotos, que será um grande benefício para a equipe. Em Sébastien temos um grande recurso, um motorista com uma vasta experiência em GPs e que será de valor inestimável. Antonio, por outro lado, é um talento, com quem já temos uma boa relação de trabalho. Tenho certeza de que sua contribuição será tão importante, em uma temporada intensamente ocupada”.


Fotos Infiniti Red Bull Racing - divulgação

43º Tokyo Motor Show 2013 mais uma vez foi um sucesso.


Organizado pela Japan Automobile Manufactures Association, do Presidente: Akio Toyoda, no Tokyo Big Sight em Ariake, o 43º Tokyo Motor Show 2013 foi realizado de 22 de novembro à 1º de dezembro, este ano o número de visitantes superou a edição passada em 7%, foram 902.800 pessoas que conferiram de perto os lançamentos do setor. No total, foram 181 expositores de 12 países, entre as novidades apresentadas no salão, 76 carros estavam pela primeira vez sendo vistos pelo público, segundo a organização, o número de personalidades presentes na edição 2013, foi de 10.300 pessoas, ou seja, 10 % acima do evento de 2011.

No discuso final de encerramento do Tokyo Motor Show, o presidente Akio Toyoda, fez questão de destacar que o futuro do setor será ainda mais atraente. “Vamos continuar a trabalhar em conjunto com todo o meu coração. Competir e moldar um novo futuro, será o nosso lema de agora em diante”. No dia 19 de novembro o evento foi aberto a imprensa internacional e nacional, neste dia 1000 pessoas, visitaram os pavilhões de exposição e as 14 empresas filiadas a JAMA, promoveram palestras e disponibilizaram os carros para sessões de fotos.


Vale destacar que uma prévia do evento foi realizada no dia 16 de novembro, com o Odaiba Motor Festival, onde 60 carros de corrida de várias época 'desfilaram' para o público presente. Modelos da Super Fórmula e Super GT, além de carros de Gran Turismo foram os mais elogiados pelos fãs. Não é todo dia que se pode ver carros de corridas nas ruas do Japão. O sucesso do evento se dá, graças ao bom entrosamento dos principais fabricantes de carros do país, todos eles levam o que há de melhor em tecnologia e como o Japão possui um mercado bastante competitivo e inovador, cada lançamento é um show a parte.

Também foi testado durante o salão, modelos de carros com tecnologia para “dispensar” o motorista, o sistema permite programar o carro para ir até determinados locais com a ajuda do piloto automático, acredita-se que carros dotados com este novo sistema estejam prontos para serem usados em 2020, durante as Olimpíadas de Tokyo, a ideia inicial é alugar estes carros para estrangeiros que visitam o país durante os jogos.


Antes de mais nada gostaria de agradecer a todos que prestigiaram o blog durante este ano, visitei muitas exposições e feiras destinadas ao setor automotivo este ano, cobri várias etapas da temporada 2013 da Super Fórmula e Super GT, além de competições de drift, porém são trabalhos para outras mídias e nem sempre é possível postar aqui. Outra coisa é que por questões de contrato também fico proibido de divulgar os links para as matérias e fotos. Mas sempre que possível deixo uma prévia neste humilde blog. Meu muito obrigado a todos!


sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

DTM: Augusto Farfus participa de bateria final de testes pela BMW em 2013 no circuito de Jerez.


Augusto Farfus foi um dos pilotos da BMW a fazer parte da bateria final de testes que a montadora promoveu entre domingo e quinta-feira (5), no tradicional circuito de Jerez de la Frontera, com o M3 DTM, carro que será substituído na temporada de 2014 pelo M4. Nesta quinta-feira, o brasileiro cumpriu mais de 600 km e realizou os mais diversos tipos de simulações: desde long-runs com pneus duros e macios, além de também testar componentes do novo carro que será adotado pela montadora bávara no ano que vem.

O curitibano ficou bastante satisfeito com o trabalho realizado na Andaluzia. Além de Augusto, a BMW levou para Jerez os titulares Bruno Spengler, Timo Glock, Joey Hand e Martin Tomczyk, além de outros pilotos que tiveram uma oportunidade de guiar um carro do DTM nos últimos dias: Maxime Martin, Jens Klingmann e o luso Antonio Felix da Costa.

O brasileiro ficará mais alguns dias em Munique para eventos da BMW antes de retornar a Curitiba para um período de férias antes de voltar a focar na temporada 2014

Augusto Farfus:

“O teste que fizemos aqui em Jerez foi muito positivo. O clima estava muito bom, então conseguimos aproveitar ao máximo a pista, e é sempre importante fazer esses testes depois da temporada, já que passamos a ter uma extensa base do que funcionou para evoluir a partir daquele ponto. Agora é descansar um pouco, recarregar as baterias para voltar ainda mais forte em 2014”.

Foto BMW - divulgação

Gianluca Petecof fecha temporada vitoriosa com disputa da etapa final da Copa SP Light.


2013 ficará para sempre na lembrança de Gianluca Petecof como um ano de ouro nas pistas. Correndo pela ONS Motorsport, o paulista conquistou os títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil nesta temporada na categoria Júnior Menor. Além disso, há duas semanas, o piloto de 11 anos representou seu país na final do Skusa SuperNationals, na categoria TaG Cadet, e garantiu um lugar no top-10. Depois de um ciclo de muitas conquistas, Gianluca fecha a temporada neste sábado (7), com a disputa da décima e última etapa da Copa SP Light, no Kartódromo Internacional Ayrton Senna, em Interlagos.

Petecof soma 58 pontos e ocupa a quarta colocação na tabela, e para a rodada dupla final da Copa SP Light tem como objetivo conquistar um lugar no top-3. Como a última etapa - que fecha o terceiro turno do campeonato - tem pontuação maior que as anteriores, Gianluca ainda tem chances matemáticas de ser campeão, já que a diferença para o líder é de 14 pontos e são 16 pontos em jogo na rodada.

As atividades de pista começam nesta quinta-feira, com os primeiros treinos livres - serão duas sessões na quinta e outras duas na sexta-feira. No sábado, logo pela manhã, está prevista a tomada de tempos que vai definir o grid de largada da primeira bateria, marcada para 9:50 (horário brasileiro de verão). A corrida derradeira da Júnior Menor está marcada para 11:50.

Gianluca Petecof:

“Depois de um ano de muito trabalho, dedicação e os títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil, estou bem animado para a última prova do ano em Interlagos, que é uma das minhas pistas preferidas. Quero muito fechar essa temporada inesquecível com chave de ouro, e vou fazer o meu melhor para conseguir um bom resultado na final da Copa SP Light”.

Foto Maurício Villela - Fonte Eversports

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Stock Car: Bruno Senna será a atração da Corrida do Milhão.


A presença de Bruno Senna como convidado especial será a grande atração da Corrida do Milhão, prova que fechará o calendário da Stock Car no próximo dia 15 em Interlagos e apontará o campeão da temporada 2013. Bruno aceitou o convite da Raízen, empresa líder em energia renovável no Brasil, e correrá pela GT Competições, uma das equipes comandadas pelo diretor-técnico Andreas Mattheis. Será a primeira vez que o nome Senna será inscrito em prova válida por Campeonato Brasileiro. Até agora, Bruno havia participado de quatro corridas no circuito paulistano - na Fórmula 1 de 2010 a 2012 e nas 6 Horas de São Paulo do Mundial de Endurance de 2013.

A presença na 12ª e mais importante etapa da principal categoria do automobilismo nacional fecha um ano de pleno êxito na carreira do piloto de 30 anos. Em sua estreia no campeonato organizado pela FIA, Bruno venceu três das oito provas, fez dois segundos lugares e largou quatro vezes na pole. Para correr em Interlagos, abriu mão da participação na prestigiosa Corrida dos Campeões ao lado de Michael Schumacher, Sébastien Ogier e outros astros das quatro e duas rodas. A prova, no entanto, acabou cancelada nesta semana por causa dos distúrbios políticos na Tailândia.

Bruno não esconde a satisfação com a parceria com a Raízen, resultado de uma joint venture entre a Shell e a Cosan. “Será uma corrida marcante por representar minha estreia em uma competição brasileira. O desafio será imenso, porque o nível da Stock Car é elevadíssimo, com pilotos talentosos e experientes e as diferenças são muito pequenas. Além disso, a premiação é atraente e muito acima da média até das maiores categorias internacionais”, lembrou. “E essa corrida será muito legal também porque definirá o título e quatro pilotos estão na briga”.


Como determina o regulamento, Bruno terá direito a três sessões de treinos extras de uma hora na manhã da sexta-feira, antes da abertura dos ensaios oficiais. Ele acredita que a adaptação a um carro fechado e com pouca visibilidade como o da Stock Car será favorecida pela experiência com o Vantage V8 da Aston Martin no Mundial de Endurance. “Estou acostumado a correr em carros com teto e acho que esse não será um problema tão grande”, afirmou. “Conhecer o circuito ajuda bastante, mas também vou procurar o pessoal que veio da Fórmula 1 para pegar umas dicas com eles”.

A participação especial de Bruno Senna na Corrida do Milhão marca mais uma importante ação da Raízen em seu envolvimento com automobilismo, como explica Leonardo Linden, vice-presidente de Marketing da empresa.

“A participação do Bruno Senna é mais um importante capítulo em nosso envolvimento com o automobilismo. Esta é a segunda temporada consecutiva que a Raízen fornece o combustível oficial da Stock Car a todos os carros da categoria - o Shell V-Power Etanol. Além desta parceria técnica, estreamos com nosso time em 2012 e buscamos sempre trazer convidados especiais para o grid, como o Jacques Villeneuve (campeão mundial de F1) e o Helinho Castroneves (tricampeão da Indy 500). E este ano, trazemos o Bruno para correr com nossa marca institucional, a Raízen, para reforçar ainda mais nossa ligação com o esporte a motor e com inovação. Teremos novidades e, em breve, vocês saberão um pouco mais”, destaca Linden.

Créditos: Miguel Costa Jr./MF2

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Force Índia confirma Hulkenberg para 2014.


A Force Índia confirmou nesta terça-feira (3), que o piloto alemão Nico Hulkenberg, correrá pela equipe a partir da temporada de 2014, o comunicado enviado à imprensa destaca que o contrato será de vários anos. Hulkenberg, já passou pelo time indiano nas temporadas de 2011 e 2012, na primeira com piloto reserva e no ano seguinte como titular.

Nico agradeceu a oportunidade de voltar para a Force Índia: “A equipe tem grandes ambições para o próximo ano e acho que a experiência que adquiri ao longo dos anos nos ajudará a atingir esses objetivos. Acredito sinceramente que teremos um pacote competitivo em 2014. Tenho ouvido grandes coisas sobre o motor Mercedes, então eu acho que há todas as razões para estar animado. Sinto a determinação no time e partilhamos a mesma sede de sucesso” - concluiu.

A equipe ainda não informou quem será o companheiro de Nico, o escocês Paul di Resta provavelmente correrá pela DTM ou Fórmula Indy, já o alemão Adrian Sutil poderá fechar com a Sauber. Para a vaga em aberto, acredita-se que deverá ser ocupada pelo mexicano Sergio Perez, que não renovou com a McLaren, no entanto, conta com um bom aporte financeiro.

O piloto alemão destacou que não têm dinheiro para oferecer, por isto, não conseguiu fechar com equipes médias, que buscam além do talento um bom acordo financeiro. “Por esta razão, eu perdi minha vaga na Williams, para Maldonado. Eu não vou gastar meu tempo pensando sobre isso. Eu prefiro gastar minha energia onde ela é útil para dar uma boa direção para a minha carreira” - finalizou.

Uma das grandes revelações dos últimos anos da Fórmula 1, Nico Hulkenberg, tentava um acordo com Ferrari e Lotus, no time italiano o concorrente era o finlandês Kimi Raikkonen, já no time de Enstone, apareceu novamente Maldonado, com a bolsa carregada de petrodólares. Sem clima dentro da Sauber, a melhor opção era mesmo a Force Índia, que provavelmente terá um equipamento competitivo, não creio que o carro tenha condições de vencer corridas, mas com o talento que tem, Nico poderá novamente ser um dos destaques da temporada 2014.  

Foto Sahara Force Índia - divulgação

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Pietro Fantin fecha com equipe Draco para disputa da temporada 2014 da World Series by Renault.


Em seu segundo ano na categoria, o curitibano de 22 anos agora defenderá a tradicional equipe italiana, por onde já passaram pilotos como Rubens Barrichello, Augusto Farfus e Felipe Massa. Pietro Fantin representará a equipe International Draco Racing em sua segunda temporada na Fórmula Renault 3.5, a principal categoria da World Series by Renault. Depois de um ano de muito aprendizado em sua estreia na categoria, o curitibano de 22 anos vai disputar o campeonato - considerado uma das principais portas de acesso à Fórmula 1 - pela tradicional esquadra italiana, que é chefiada pelo brasileiro Guto Negrão, na temporada 2014 de olho em um lugar no rol dos cinco primeiros colocados do campeonato.

Em 2013, Fantin estreou pela World Series e defendeu a Arden Caterham, equipe baseada na Inglaterra. Ao todo, o piloto brasileiro conquistou quatro top-10 e subiu três vezes no pódio dos novatos, fechando a temporada com 21 pontos. Para a próxima temporada, Pietro optou mudar de equipe depois de ter testado pela Draco - terceira colocada nesta temporada - em Barcelona e também em Aragón, ficando entre os dez primeiros colocados na maioria das sessões. Pela esquadra italiana, já passaram pilotos como Rubens Barrichello, Felipe Massa, Augusto Farfus e Pedro Lamy, sendo os dois últimos consultores da carreira de Fantin.


A exemplo desta temporada, o calendário da Fórmula Renault 3.5 para 2014 contará com nove etapas, mas prevê novidades, como a inclusão dos circuitos de Nürburgring e Jerez de la Frontera. A abertura do campeonato está marcada para os dias 13 e 14 de abril, em Monza. Também fazem parte do cronograma as etapas de Aragón, Mônaco, Spa-Francorchamps, Moscou, Hungaroring e Paul Ricard. Os primeiros testes de Pietro Fantin oficialmente como novo piloto da Draco serão no começo de fevereiro, em Le Castellet.


Pietro Fantin:

“Estou muito feliz pela chance de fazer parte da Draco em 2014. Juntos, vamos trabalhar para brigar por vitórias e cumprir a meta, que é a de estar entre os cinco primeiros da temporada. Durante os testes na Espanha, percebi na equipe a motivação e a vontade de vencer, o entrosamento com todos foi muito bom, o ambiente é bastante agradável e isso tudo me dá a certeza de que teremos todas as condições de viver um grande ano. Fico contente também por continuar com esse legado da Draco, de desenvolver pilotos brasileiros, como Rubens Barrichello, Felipe Massa, Augusto Farfus e o André Negrão. Com muito empenho, trabalho e foco, vou lutar para escrever a minha história dentro da equipe”.


Guto Negrão, chefe de equipe:

“Fico feliz por poder dar sequência à tradição brasileira na equipe Draco. Fantin é um jovem que mostrou ótimos sinais de crescimento ao longo dos testes conosco, com uma atitude profissional incomum. Agora ele está devidamente integrado ao staff técnico e esportivo, querendo saber de cada detalhe da equipe, participando com afinco das reuniões técnicas e contribuindo para o desenvolvimento do nosso carro. Começamos com o pé direito, e agora vamos conseguir trazer esse impulso para a temporada de 2014. Quanto ao nosso outro piloto, estamos atualmente avaliando algumas opções, mas esperamos que seu nome seja anunciado em breve”.

Fotos Paolo Pellegrini - Fonte Eversports